Lei que autoriza consórcio de compra de vacinas é sancionada por prefeito de Cabo Frio

A Câmara Municipal já aprovou o projeto acerca da imunização, e serão utilizadas a verba de R$ 7,5 milhões

Escrito por Redação 28/04/2021 21:50, atualizado em 28/04/2021 22:41
A ação tem como propósito constituir consórcio público para atender a população.
A ação tem como propósito constituir consórcio público para atender a população. . Foto: Divulgação/ Prefeitura de Cabo Frio

Foi sancionada pelo prefeito de Cabo Frio, José Bonifácio, nesta quarta-feira (28), a Lei n° 3.276, de 20 de abril deste ano, que corrobora o município a participar do Consórcio Público Intermunicipal de Desenvolvimento do Norte e Noroeste Fluminente (CIDENNF) para a compra de doses de vacina contra a Covid-19. A ação tem como propósito constituir consórcio público para atender a população com vacinas, medicamentos, insumos e equipamentos.

 Câmara Municipal já aprovou o projeto acerca da imunização, e serão utilizadas a verba de R$ 7,5 milhões. De acordo com informações, a meta é comprar 100 mil doses da vacina. O prefeito José Bonifácio revelou que os imunizantes são a máxima prioridade do município e novos valores podem ser destinados para este objetivo.

A Prefeitura de Cabo Frio havia ingressado em um consórcio no mês anterior, de Frente Nacional de Prefeitos (FNP), com a mesma finalidade em prol da imunização da população. 

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas