Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar up 5,1592 Euro up 5,3222
Search

Preso homem acusado de estuprar filha adotiva por dois anos

Crime foi descoberto quando a criança se mudou Cabo Frio com o pai biológico

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 01 de março de 2021 - 18:53
O homem foi preso por policiais civis da Delegacia da Criança e Adolescente Vítima
O homem foi preso por policiais civis da Delegacia da Criança e Adolescente Vítima -

Foi preso no último domingo (28) um homem acusado de estuprar a filha adotiva, quando ela estava entre os 9 e 11 anos de idade. A prisão foi feita por policiais civis da Delegacia da Criança e Adolescente Vítima (DCAV) em continuidade à Operação Proteção à Infância. O suspeito foi capturado em Petrópolis depois de ações de inteligência e monitoramento.

Segundo a polícia, o estupro foi descoberto quando a criança passou a morar com o pai biológico em Cabo Frio, que perguntou a menina o motivo de ela ser tão reservada. A vítima então contou sobre os abusos que sofria, e o pai a levou na delegacia para registrar a ocorrência.

De acordo com a polícia, os abusos aconteceram na própria casa do pai adotivo. Ele esperava a esposa dormir e chamava a criança, que na época tinha 9 anos, para assistir vídeos pornográficos em seu celular. Enquanto os vídeos eram exibidos, o homem fazia a menina reproduzir as cenas com ele. Os abusos duraram pelo menos dois anos, sob ameaças de morte à vítima e familiares caso ela contasse a alguém.

A Operação Proteção à Infância tem como objetivo prender autores de abusos contra crianças e adolescentes. A ação desencadeada pela DCAV teve início em dezembro do ano passado e já prendeu nove criminosos.

Matérias Relacionadas