Pezão: ‘Estou tentando parceria para Linha 3’

Enviado Direto da Redação

Pezão entregou ontem, em São Gonçalo, veículos para o combate à dengue na cidade e região

Foto: Alex Ramos

Por Marcela Freitas

O governador Luiz Fernando Pezão e o secretário estadual de Saúde Luiz Antônio Teixeira entregaram, ontem, 13 veículos para auxiliar e reforçar as ações de combate ao mosquito aedes aegypti. Durante solenidade, ocorrida no 7º BPM (São Gonçalo), o governador prometeu tirar do papel ainda este ano o projeto da Linha 3 ligando São Gonçalo e Niterói.

Prefeitos e representantes da Região Litorânea e Metropolitana do Rio, incluindo São Gonçalo, Itaboraí e Niterói, receberam das mãos do governador as chaves dos veículos Nissam Versa, adquiridos com recursos do Ministério da Saúde.

São Gonçalo recebeu dois veículos nesta terça, mas o município já havia sido contemplado com outro no mês passado.

“Essa iniciativa é fundamental para a qualidade do trabalho dos agentes sanitários”, afirmou Pezão.

O prefeito de São Gonçalo, Neilton Mulim, agradeceu a ajuda.

“Esse é um momento que temos que nos unir para combater esse vetor tão nocivo à saúde. Agradecemos ao governador pela preocupação com a nossa população do nosso estado no que se refere à saúde”, disse Neilton.

Ao todo o Estado adquiriu 170 veículos Nissan Versa, que estão sendo distribuídos às 92 cidades fluminenses, para uso exclusivo em ações de Vigilância Epidemiológica e definidas pelos municípios, entre elas apoio às equipes de campo, transporte de amostras, investigação de casos.

Linha 3 -

O governador Pezão anunciou que está tentando junto com o secretário estadual de Transportes, Carlos Osório, parcerias públicos privadas (PPP), que possibilitem a retirada da Linha 3 do metrô do papel. O governador espera isto ocorra até o final do primeiro semestre deste ano.

“Quero muito que isto aconteça. É meu dever deste ano. Estamos estudando uma PPP. O secretário Osório (Transportes) e Domingos Vargas que coordena as PPPs estão desenvolvendo um projeto. Há um compromisso da presidente Dilma em nos ajudar, e eu quero muito licitar essa linha do metrô até julho”, explicou o governador.

Veja também