Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar down 5.3341 Euro down
Search

Delegacia virtual lança serviço acessível para pessoas com deficiência

Serviço é destinado a crimes de menor potencial lesivo

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 27 de dezembro de 2020 - 10:30
Serviço é destinado a crimes de menor potencial lesivo
Serviço é destinado a crimes de menor potencial lesivo -

Pessoas com deficiência motora ou visual que precisarem registrar um boletim de ocorrência na Delegacia Virtual do Ministério da Justiça e Segurança Pública podem contar com ambiente virtual com acessibilidade. A modalidade foi criada pelo Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) e está disponível aos cidadãos do Acre, Alagoas e Rio Grande do Norte, estados que aderiram ao sistema unificado de registro do governo federal.

As inovações poderão ajudar pessoas com baixa visão, cegueira, problemas na distinção de cores e com restrições motoras, permitindo somente o uso do teclado, sem a necessidade do mouse.

A ferramenta permite que 19 tipos de ocorrências possam ser registradas 24h por dia pelo computador, celulares e tablets. O serviço é destinado a crimes de menor potencial lesivo, como ameaça, injúria, calúnia, difamação e estelionato.

Os registros serão recebidos pela delegacia virtual e analisados pela Policia Civil dos estados participantes. Se a comunicação de crime for aceita, o reclamante receberá uma cópia do boletim de ocorrência por email e poderá acompanhar o andamento do requerimento por meio do sistema.

O cidadão que não reside nos três estados deve verificar se existe em sua localidade um serviço virtual de registro ou deve procurar a delegacia de polícia mais próxima. Adesão de mais estados deve ocorrer em breve.

(Agência Brasil)

Matérias Relacionadas