Primeira vereadora negra eleita de Joinville relata ameaças de morte

"Seguimos firmes", diz Ana Lúcia Martins

Enviado Direto da Redação
Ela relatou ainda que já estava sofrendo os ataques antes mesmo do resultado oficial da eleição de domingo, 15

Ela relatou ainda que já estava sofrendo os ataques antes mesmo do resultado oficial da eleição de domingo, 15

Foto: Divulgação/Instagram

Primeira vereadora negra eleita na história de Joinville (SC), Ana Lúcia Martins, do PT, relatou em sua conta no Twitter que vem sendo vítima de ataques racistas e ameaças de morte. Em uma das mensagens divulgadas por ela, um dos usuários afirma que "só falta matá-la e entrar o suplente, que é branco". Ela relatou ainda que já estava sofrendo os ataques antes mesmo do resultado oficial da eleição de domingo, 15.


Eleita como a 7ª vereadora mais votada na cidade, Ana Lúcia é servidora pública aposentada e tem 54 anos. Ela afirma que não desistirá da sua luta para defender os direitos das populações minoritárias.


"Seguimos firmes, com coragem e disposição para defender os direitos da população negra, das mulheres, da juventude, da população periférica, Imigrantes e refugiados e da classe trabalhadora", diz a vereador em uma das publicações.


Ana Lúcia registrou um boletim de ocorrência, e o caso será investigado pela Polícia Civil de Joinville.

Veja também