Professor Josemar desiste de pré-candidatura a prefeito de SG pelo PSOL

Educador disputou as três últimas eleições ao Executivo gonçalense como candidato da legenda

Enviado Direto da Redação
Josemar Carvalho almeja uma cadeira no Palácio 22 de Setembro, sede do legislativo gonçalense

Josemar Carvalho almeja uma cadeira no Palácio 22 de Setembro, sede do legislativo gonçalense

Foto: Leonardo Ferraz/Arquivo

Por Rennan Rebello



O até então pré candidato a prefeito de São Gonçalo, Josemar Carvalho (PSOL), o Professor Josemar, anunciou nessa sexta-feira (31) em postagem na sua página no Facebook, que não vai mais postular o cargo no Executivo, mas sim a Câmara, e apresentou sua pré candidatura a vereador na cidade.



A decisão foi divulgada num documento 'Colocando os pingos nos is', que leva a chancela da direção do PSOL-SG. Nas últimas três eleições, desde 2008, Professor Josemar vinha concorrendo como candidato a prefeito de SG pela legenda.


Com a decisão de Josemar, fica praticamente selada a coligação do PSOL com o PCdoB em torno do nome de Isaac Ricalde (PCdoB) como pré-candidato à Prefeitura de São Gonçalo.


"A decisão tem a ver com uma discussão coletiva da necessidade de se montar uma frente de esquerda em São Gonçalo. Frente esta, que  começamos a articular desde 25 agosto de 2019, quando o PSOL-SG publicou a nota 'Unir para avançar', onde apresentamos bases para esta construção. Infelizmente alguns partidos não se colocaram à disposição e nem quiseram discutir um projeto alternativo para a cidade, para enfrentarmos o 'bolsonarismo', a velha política e o governo Nanci", disse Professor Josemar a O SÃO GONÇALO


O educador também prometeu, que caso eleito vereador, exercerá um mandato combativo no Palácio 22 de Setembro, sede do legislativo local.


"A partir de nossa unidade com o PCdoB, avaliamos que é importante e necessário mudarmos o perfil da Câmara Municipal, que tem uma baixa produção de projetos, que não fiscaliza o Executivo e se comporta de uma maneira muito subserviente ao prefeito, além de ter traços de inoperância. A nossa pré-candidatura a vereador é muito importante porque visa representar os trabalhadores: servidores, professores e agentes comunitários de saúde que brigam para regularizar a sua profissão, o transporte alternativo além de pautas ligadas a educação popular, comunidade e juventude", afirmou.


Na vaga de Josemar na coligação com o PCdoB, o PSOL indicou o nome da professora de História, Ana Cardinall, como pré candidata a vice prefeita na chapa com  Ricalde.




Veja também