Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar down Euro down
Search

Governador do Rio prorroga medida restritiva até 30 de abril

Até que o prazo termine, somente serviços essenciais devem continuar funcionando

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 13 de abril de 2020 - 19:35
Os demais tipos de comércio deveram realizar atendimento em domicílio.
Os demais tipos de comércio deveram realizar atendimento em domicílio. -

O governador Wilson Witzel prorrogou nesta segunda-feira (13) o decreto de isolamento para a prevenção e combate a disseminação do Covid-19 até o dia 30 de abril. Em razão do número crescente dos casos de coronavírus no estado, a medida se estende pela necessidade de manter a situação de emergência.

Com o decreto, iram permanecer fechados as escolas públicas e privadas, creches e instituições de ensino superior. Eventos esportivos, shows, feiras de ciência, em locais apertos e fechados também continuam suspensos. Locais como cinemas, teatros, academia, centros de lazer e esporte, shoppings também iram permanecer com as portas fechadas.

A população deverá ficar em casa, e não poderá frequentar praias, lagoas, rios, piscinas públicas e clubes. Somente serviços essenciais (supermercados, açougues, padarias, lanchonetes, hortifrútis, farmácias, lojas de conveniência) devem permanecer funcionando, mas sem permitir que haja aglomerações.

Em caso de descumprimento das medidas, as autoridades iram apurar as infrações administrativas e crimes previstos. Os demais tipos de comércio deveram realizar atendimento em domicílio.

Matérias Relacionadas