Flordelis volta à Câmara e vota a favor da reforma da Previdência

Texto-base da proposta de alteração foi aprovado no primeiro turno

Enviado Direto da Redação
Presença foi registrada por um dos filhos da pastora, Adriano do Carmo

Presença foi registrada por um dos filhos da pastora, Adriano do Carmo

Foto: Divulgação


Prestes a completar um mês do assassinato do pastor Anderson do Carmo, a deputada federal Flordelis (PSD), viúva da vítima, retornou à Câmara, na noite desta quarta-feira (10), para votar a respeito do texto-base da proposta de emenda à Constituição (PEC), que altera as regras do sistema previdenciário do Brasil. Foi a primeira aparição da parlamentar na bancada após a morte de seu marido, no último dia 16 de junho.

Dentre os 379 deputados que foram a favor da reforma da Previdência, no primeiro turno, está a pastora Flordelis, que seguiu a maioria dos deputados de seu partido, com exceção de Expedito Netto (RO), que foi contrário ao texto-base. Para que a reforma da Previdência seja aprovada, são necessários os votos de pelo menos 308 deputados, em dois turnos.

A presença da parlamentar foi registrada pelo filho da pastora, Adriano do Carmo, em sua conta do Instagram. Ele é atuante e tinha o costume de viajar à Brasília com os pais. Embora tenho feito questão de participar da votação, a parlamentar passou boa parte da votação sentada na cadeira destinada aos assessores e não quis conceder entrevista para a imprensa.

Veja também