Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar up 5,3317 Euro up 5,5605
Search

Alerj discute reciclagem de coco verde para produção de xaxim

Proposta busca proteger espécie Samambaiaçu

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 13 de outubro de 2017 - 10:23
Luiz disse que reciclagem pode ajudar no tempo útil de aterros
Luiz disse que reciclagem pode ajudar no tempo útil de aterros -

Um programa de reciclagem do coco verde pode ser criado no Estado. É o que determina o projeto de lei 295/11, do deputado Luiz Martins (PDT), que a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou em segunda discussão na última quarta-feira. A proposta seguirá para o governador Luiz Fernando Pezão, que terá até 15 dias úteis para decidir pela sanção ou veto.

O texto tem o objetivo de proteger a espécie Samambaiaçu, responsável pela matéria-prima do xaxim, um tipo de vaso que pode ser substituído pela fibra do coco. O programa deverá patrocinar estudos, projetos e medidas que ajudem na reciclagem do coco. O Executivo deverá regulamentar a norma por decreto. “O coco verde tem um grande consumo no Rio de Janeiro e os resíduos que eles geram são um problema para a vida útil dos aterros sanitários. Esse projeto estimula as cooperativas e melhora o aproveitamento”, disse o deputado.

Matérias Relacionadas