José de Abreu deixa carreira de ator para ser candidato a deputado em 2022

Ator da Globo será candidato pelo PT

Escrito por Redação 15/10/2021 16:08, atualizado em 15/10/2021 16:51
José de Abreu é amigo do ex-presidente Lula (PT)
José de Abreu é amigo do ex-presidente Lula (PT) . Foto: Reprodução/Redes Sociais

O ator José de Abreu, da Rede Globo, afirmou que vai deixar a carreira artística para se candidatar a deputado federal pelo Partido dos Trabalhadores (PT) nas eleições de 2022. Abreu, que tem 75 anos, falou sobre o desejo de apoiar a candidatura de Lula à presidência e Marcelo Freixo (PSB) ao governo do estado: “a junção de Lula e Freixo é irresistível”.

A informação foi divulgada pelo ator em entrevista à colunista Mônica Bergamo, da Folha de São Paulo. José de Abreu já é filiado ao Partido dos Trabalhadores (PT) desde 2013. Na época, ele também havia manifestado desejo de concorrer a uma vaga de deputado nas eleições do ano seguinte, em 2014, mas desistiu da ideia.

Agora, Zé de Abreu diz que deve abrir mão da carreira nas artes para enveredar pela política e “ajudar o Lula a reconstruir o Brasil e o Freixo a reconstruir o Rio de Janeiro”. “Vou abrir mão da minha carreira, do que eu mais amo fazer, que é representar, para ajudar o Lula a reconstruir o Brasil e o Freixo a reconstruir o Rio de Janeiro”, disse.

De acordo com o ator, o ex-presidente Lula é contra sua candidatura, mas disse ter recebido apoio do amigo e ex-ministro petista José Dirceu. “Ele [Lula] acha que hoje, como ator da TV Globo, eu calço 47 [em influência e importância]. Se for deputado, vou calçar 33, pois serei do baixo clero do Congresso”, diz Zé de Abreu. Já Dirceu “diz que, além de seguir calçando 47, vou somar os 33”, finalizou.

Polêmica

O ator José de Abreu se envolveu em uma polêmica com a deputada federal Tábata Amaral (PSB-SP). No último dia 28, Zé de Abreu retuitou um post que declarava a vontade de agredir a deputada federal. "Se eu encontro na rua, soco até preso", dizia a mensagem com a foto da deputada, compartilhada pelo ator.

O post teve uma ampla repercussão. No dia seguinte, José de Abreu pediu desculpas à deputada. "Eu errei redondamente. A minha vida é repleta de erros, e uma das coisas que eu aprendi é que quando você é muito crítico, você tem que aprender a fazer uma autocrítica. (…) Vou fazer uma carta para Tabata, em vídeo. Vou escrever um pedido de desculpas para ela. Vou propor uma atitude política”, disse José de Abreu no canal Fala, Lola, Fala, no YouTube.

Tábata não respondeu o pedido de desculpas e disse que iria processar o ator.

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas