Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar down Euro down
Search

TSE suspende repasses de dinheiro a bolsonaristas em mais uma rede social

Rede social Gettr foi criada por ex-assessores de Donald Trump

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 08 de setembro de 2021 - 14:29
Luis Felipe Salomão, ministro do TSE
Luis Felipe Salomão, ministro do TSE -

O ministro Luis Felipe Salomão, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), determinou, na terça-feira (7), a suspensão de repasses de dinheiro da rede social Gettr a blogueiros bolsonaristas que são alvo das investigações que apuram a determinação deliberada de notícias falsas e ataques às urnas eletrônicas. 

O pedido para suspensão dos repasses da rede social partiu da Polícia Federal. No dia 16, o ministro já havia determinado a suspensão de pagamentos a investigados com perfis e canais nas principais plataformas, como YouTube, Instagram, Twitter e Twitch. Eles arrecadam com publicidade, doações e total de acessos nos conteúdos que publicam. A decisão alcança, ao todo, 24 pessoas e canais.

De acordo com o jornal O Estado de São Paulo, os ganhos de alguns blogueiros chegam a casa do milhão. O objetivo da ação da PF e do TSE não envolve a remoção dos conteúdos do ar, mas de impedir que os bolsonaristas lucrem com desinformação e ataques à democracia.

O ministro apontou que as pessoas afetadas pela decisão anterior estavam também utilizando a nova plataforma. Os responsáveis pelo Gettr deverão apresentar ao TSE em 20 dias relatórios com as receitas individuais e, ainda, impedir que algoritmos recomendem conteúdos com ataques ao sistema de votação e à legitimidade das eleições no Brasil.

A Gettr é uma rede social semelhante ao Twitter criada por ex-assessores de Donald Trump para abrigar principalmente os influenciadores da direita. A plataforma foi desenvolvida depois da remoção dos perfis de Trump no Twitter, Facebook e Instagram como punição por ter incentivado seus seguidores a invadir o Capitólio na tarde em que seria feito o reconhecimento da vitória de Joe Biden sobre o republicano na eleição presidencial americana.

Matérias Relacionadas