Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar down 5,0741 Euro down 5,2058
Search

Fim dos flanelinhas: câmara de SG aprova criação de estacionamentos rotativos na cidade

Detalhes sobre o funcionamento do sistema ainda precisam ser definidos

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 20 de agosto de 2021 - 16:56
Projeto visa organizar serviço de estacionamentos nas principais vias de SG
Projeto visa organizar serviço de estacionamentos nas principais vias de SG -

A Câmara Municipal de São Gonçalo aprovou, na última quarta-feira (18), uma mensagem encaminhada pelo prefeito Capitão Nelson (PL) que propõe a implantação de estacionamentos rotativos remunerados na cidade. O objetivo da proposta é organizar o serviço de estacionamento nas principais ruas e avenidas do perímetro urbano de São Gonçalo e permitir maior fluidez de veículos nessas localidades.

De acordo com o projeto, o aumento de vagas para estacionamento em pontos centrais da cidade irá melhorar a acessibilidade das pessoas aos comércios locais, fortalecendo, assim, a estrutura econômica do município. Aprovada em segunda discussão, a mensagem recebeu 20 votos favoráveis e três abstenções. Assim, a prefeitura já está autorizada a implementá-lo, mas ainda não há previsão de data que o sistema comece a funcionar.

O texto autoriza a prefeitura a cobrar pelo estacionamento nas vias públicas onde houver o sistema rotativo. Nesses locais, haverá placas informativas para que as vagas disponíveis sejam identificadas com facilidade pelos usuários. O serviço, que ainda terá valor definido, funcionará de segunda-feira a sábado, das 7h às 20h, exceto aos domingos e feriados. Em períodos e horários diferentes, a possibilidade de uso será avaliada pelas autoridades que controlam o sistema de trânsito na cidade.

O projeto também determina que aqueles que desrespeitarem as regras estarão sujeitos à multa por infração de trânsito, podendo, inclusive, ter o veículo removido para depósito público. Todas as normas para o uso das vagas na cidade serão fiscalizadas pelos órgãos públicos. 

Moradora do bairro Anaia Pequeno, em São Gonçalo, Sandra Conceição, de 45 anos, disse que existe uma grande dificuldade para quem dirige na cidade.

"Quem precisa sair de carro para trabalhar em São Gonçalo fica sujeito à vontade dos flanelinhas, além do risco de deixar o carro na rua e ser roubado. Essa situação é ainda pior no Centro da cidade, pois é extremamente difícil para estacionar e os poucos estacionamento que existem ali cobram valores absurdos", aponta. 

A moradora elogiou a iniciativa da prefeitura e defendeu que os valores cobrados nos estacionamentos rotativos sejam acessíveis.

"É extremamente necessária a criação desses estacionamentos na cidade. Será muito útil para quem utiliza o carro para trabalhar e fazer outras coisas do dia a dia nesses bairros mais movimentados, além de ser uma possibilidade muito boa para gerar empregos formais. Mas precisamos que esses estacionamentos tenham valores acessíveis às condições da população", afirma.

Matérias Relacionadas