Axel Grael anuncia criação da moeda social de Niterói

Intenção é combater a pobreza no município

Escrito por Redação 17/06/2021 15:12, atualizado em 17/06/2021 16:01
Anúncio de criação da nova moeda foi feito nesta quinta-feira (17)
Anúncio de criação da nova moeda foi feito nesta quinta-feira (17) . Foto: Divulgação

O prefeito de Niterói, Axel Grael (PDT), anunciou, nesta quinta-feira (17), a criação da moeda social da cidade, que receberá o nome de "Moeda Araribóia". O projeto, que já foi implantado na cidade vizinha Maricá, com a "Moeda Mumbuca", faz parte de uma política pública de combate à pobreza e desenvolvimento econômico.

Axel explicou que também será criado um banco comunitário para administrar a nova moeda. O prefeito anunciou que a primeira agência será implantada na comunidade Vila Ipiranga, no Fonseca. De acordo com a prefeitura, o novo programa irá atuar na geração de emprego e renda, contribuindo para a retomada econômica pós-pandemia.

O prefeito Axel Grael afirmou que a criação da moeda social, que será a maior do país, será um estímulo ao sistema produtivo que impulsiona o consumo, sobretudo entre a população mais vulnerável. Um dos objetivos da nova política pública é a erradicação da pobreza extrema em Niterói. 

"Nós vamos apresentar nas próximas semanas um plano de retomada da econômica. Mas, o que apresentamos hoje, já é uma dessas medidas, e uma das que mais vai impactar a vida daquelas pessoas que precisam do apoio da prefeitura de Niterói", disse o prefeito.

Segundo Axel, a prefeitura de Niterói irá investir R$5,6 milhões por mês, totalizando R$68 milhões de reais por ano. Assim que for aprovada pela Câmara Municipal, a previsão é que a moeda já esteja circulando na cidade até outubro deste ano. A previsão é que cada família possa receber até R$540 reais.

De acordo com o pronunciamento, os comércios interessados em participar do programa serão cadastrados pela prefeitura. Ao todo, oito bancos serão instalados em diferentes regiões do município. O documento com o projeto de lei de criação da moeda foi entregue pelo prefeito Axel Grael ao vereador Andrigo de Carvalho (PDT) e à vereadora Verônica Lima (PT) e deve ser votado pela Câmara nos próximos dias.

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas