Altineu Côrtes propõe prorrogação do auxílio emergencial até dezembro de 2021

"É o que temos de mais urgente no país", afirma o deputado

Escrito por Redação 06/02/2021 16:31, atualizado em 06/02/2021 16:45
Deputado afirma que o auxílio também é uma forma de alavancar a economia e gerar empregos
Deputado afirma que o auxílio também é uma forma de alavancar a economia e gerar empregos . Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados

O deputado federal Altineu Côrtes (PL) apresentou um Projeto de Lei (nº 130/2021) que prevê a prorrogação do pagamento do auxílio emergencial até o dia 30 de junho de 2021 no valor de R$600,00 (seiscentos reais), e a partir do mês de julho do corrente ano, o valor de R$300,00 (trezentos reais) até 30 de dezembro de 2021, em decorrência da pandemia do COVID-19.

O parlamentar afirma que o auxílio é uma medida necessária para ajudar as pessoas que foram atingidas pela pandemia. 

“Acredito que o presidente Bolsonaro pretende prorrogar o auxílio emergencial. Essa é a única saída que eu enxergo nesse momento para as pessoas que mais precisam e que foram atingidas pela pandemia. A necessidade das pessoas não pode esperar e isso é o que temos de mais urgente no país”, disse. 

Altineu reconhece a preocupação do governo com o equilíbrio das contas públicas, mas afirma que o auxílio emergencial também é uma forma de alavancar a economia e gerar empregos nesse momento de crise. 

"Todo mundo se preocupa com a responsabilidade fiscal do Brasil, com as contas públicas. Mas a fome é uma necessidade básica do povo e que não pode esperar. Não podemos admitir que as pessoas que mais precisam não tenham o que comer no seu dia a dia. Esse auxílio ajuda as pessoas e alavanca a economia, gera empregos e isso é fundamental nesse momento", afirma.

O deputado também fez um apelo aos colegas parlamentares para que o projeto de lei seja aprovado no congresso.

"Eu peço o apoio de todos os deputados do Rio de Janeiro e do Brasil para que eles, que conhecem a realidade do povo brasileiro, entendam que isso é, nesse momento, super necessário que seja resolvido na maior brevidade possível. As pessoas precisam voltar a ter esse auxílio imediatamente. Eu peço urgência", conclui. 

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas