Governo federal gasta mais de R$15 milhões com leite condensado

Ao todo, com alimentação, o gasto foi de R$1,8 bilhão em 2020

Escrito por Redação 26/01/2021 14:07, atualizado em 26/01/2021 15:04
Ao todo, com alimentação, o gasto foi de R$1,8 bilhão em 2020
Ao todo, com alimentação, o gasto foi de R$1,8 bilhão em 2020 . Foto: Divulgação

O governo Bolsonaro gastou mais de R$1,8 bilhão em alimentos em 2020, segundo um levantamento do (M)Dados, núcleo de jornalismo de Dados do portal Metrópoles, com base no Painel de Compras, atualizado pelo Ministério da Economia. O gasto do último ano representa um aumento de 20% em relação a 2019. O portal mostra ainda que o presidente Jair Bolsonaro gastou mais de R$15 milhões com compras de leite condensado em 2020, conhecido como um dos itens favoritos do café da manhã do presidente.

Além do gasto com leite condensado, alguns outros chamaram a atenção como o gasto com uvas-passas, que chegou a R$5 milhões. Com molho shoyo, molho inglês e molho pimenta, o governo gastou R$14 milhões no último ano. Já com pizza e refrigerante, o valor chegou aos R$32,7 milhões; foram R$2,2 milhões em chiclete e R$14,2 milhões em achocolatado. Outros valores altíssimos foram com batata frita embalada (R$ 16,5 milhões), barra de cereal (R$ 13,4 milhões) e azeite de oliva (R$ 15,8 milhões). 

O governo também teve um gasto alto com alimentos refinados para as refeições do governo. Com frutos do mar foram gastos R$ 6,1 milhões e com peixes, in natura e conserva, R$ 35,5 milhões, além de bacon defumado (R$ 7,1 milhões) e embutidos (R$ 45,2 milhões).

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas