Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar up 5,1592 Euro up 5,3222
Search

Vereadores de Maricá se reúnem para encontrar solução para a volta às aulas

“É um erro querer voltar às aulas sem vacinar os profissionais de educação", ressaltou o vereador Hadesh (PT)

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 03 de março de 2021 - 18:51
Imagem ilustrativa da imagem Vereadores de Maricá se reúnem para encontrar solução para a volta às aulas

Nesta quarta-feira (03), em uma reunião entre os vereadores de Maricá, foi discutido a relevância da imunização da população e da volta às aulas na rede municipal, sendo realizada de uma maneira segura para os envolvidos. Foi enviado a Câmara um Projeto de Lei autorizando a Prefeitura de Maricá a compra das doses de vacinas contra o novo vírus e solicitada a urgência da resposta na aprovação, segundo o vereador Dr. Richard (PC do B).

“Tive uma conversa com a secretária de Saúde e ela explicou que há um interesse da prefeitura na compra das vacinas. A Frente Nacional dos Prefeitos propôs a criação de um consórcio entre os municípios. Mas para aderir a esse consórcio é preciso haver uma lei municipal. A secretária está acelerando para enviar a lei para esta Casa, mas esse prazo findará no dia 19 de março. Então peço aos meus pares para que assim que essa mensagem chegar para que possamos aprovar nas comissões desta Casa”, informou Dr. Richard.

Foi solicitado pelo vereador Danilo Santos (PDT) que a prefeitura faça um plano estratégico, com o propósito de haver o retorno das aulas de maneira presencial nas redes de ensino, devido a falta de suporte aos alunos em suas casas como celulares e notebooks. O vereador Felipe Bittencourt dissertou também sobre a volta às aulas ser de cunho muito essencial, feito de forma segura para as crianças e professores.

“Essa forma de estudo usada no ano passado era a forma que tínhamos disponível. Acho que agora podemos adequar com a nova realidade e podemos fazer como estão fazendo as escolas particulares”, opinou o vereador Marcus Bambam (PC do B). Para o vereador Dr. Felipe Auni, a preocupação com o psicológico dos alunos devido ao tempo de isolamento é notável, ressaltando a importância da vacina.

“É um erro querer voltar às aulas sem vacinar os profissionais de educação. Grande parte do quadro de funcionários é composto por pessoas de idade. Precisamos avançar com a vacinação dessas pessoas para avançarmos com o retorno às aulas”, relatou o vereador Hadesh (PT). Ao consentir com os demais, o vereador Marquinho da Juventude (PDT) ressaltou que esse debate deve ser aprofundado mais vezes, priorizando a segurança das crianças.

A vereadora Andrea Cunha relembrou que a cada dia o contágio pela Covid-19 vem crescendo no país, onde a doença matou mais de um brasileiro por minuto. Foi indicada uma outra reunião com mais secretarias para correr atrás de uma solução ao retorno escolar pelo vereador Rodgol. 

Segurança e Pesca

O vereador Danilo Santos (PDT) informou que está preparando um documento solicitando a ocupação policial nos dos dois condomínios do Minha Casa, Minha Vida situados na cidade. Ele sugere o deslocamento de policiais do Proeis para manter a segurança nos residenciais.

O vereador Xandi de Bambuí (PC do B) sugeriu a criação de uma colônia de pescadores em Maricá. “Gostaria que tivéssemos uma reunião para trazer a colônia de pescadores aqui em Maricá. Hoje nossos pescadores precisam ir a Niterói para ter acesso à colônia de lá”.

Vermelhinhos – O vereador André Casquinha parabenizou o Poder Executivo pela implantação das novas linhas da EPT.

Matérias Relacionadas