Biblioteca de Itaboraí terá palestra para difundir e exaltar a cultura afro

Evento terá contações de histórias sobre o tema

Enviado Direto da Redação
Palestra será realizada pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Palestra será realizada pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Foto: Divulgação

A Biblioteca Municipal Joaquim Manuel de Macedo, em Itaboraí, irá realizar a palestra “Representatividade e o Ensino da África: possibilidades de trabalhar o filme Pantera Negra, a partir da representatividade e os conteúdos relacionados à África”. A palestra será realizada pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), por meio do Núcleo de Pesquisa e Estudos em Geografia, Relações Raciais e Movimentos Sociais (NEGRAM), e a entrada será gratuita.

“O tema da cultura africana implementado nas atividades educativas da Biblioteca, viabilizam o ensino da história da África e dos africanos, da cultura africana e afro-brasileira. Nosso objetivo é tornar esse tema perceptível, resgatando o seu devido valor e importância”, destacou o gestor da biblioteca, Wanderson Silvas.

Além da palestra, o evento contará com contações de histórias com referências sobre a cultura africana no país, baseados nos livros “O presente de Ossanha”, “A botija de ouro”, “Gosto de África”, do autor Joel Rufino dos Santos, que será homenageado no evento. Além disso, o livro “O cabelo de Cora”, de Ana Zarco Câmara, também será exposto, onde aborda o preconceito racial.

A Biblioteca Municipal Joaquim Manuel de Macedo fica localizada na Praça Marechal Floriano Peixoto, nº 39, no Centro e conta com horário de funcionamento, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Para mais informações sobre o evento, deve-se fazer contato pelo e-mail: bibliomacedo@itaborai.rj.gov.br

Veja mais notícias:


Conselho de Arquitetura debate planejamento urbano de Maricá

Embarque e desembarque de mulheres fora dos pontos de ônibus pode virar lei em Niterói

Ministério Público quer que São Gonçalo entre na licitação das barcas

Veja também