Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar up 5,1691 Euro up 5,3319
Search

Registro da vacina contra o coronavírus foi feito pela Pfizer junto à Anvisa

Foi prometida pela farmacêutica 50 milhões de unidades da vacina em 2020

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 25 de novembro de 2020 - 20:54
De acordo com a farmacêutica, não foi relatado qualquer preocupação séria de segurança em relação a vacina
De acordo com a farmacêutica, não foi relatado qualquer preocupação séria de segurança em relação a vacina -

Nesta quarta-feira (25) a Pfizer iniciou o processo de solicitação de registro da vacina contra o coronavírus junto à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A farmacêutica realizou um comunicado confirmando ter enviado à agência as primeiras informações dos testes.

Segundo Márjori Dulcine, diretora médica da farmacêutica no país, a empresa fornecerá para a Anvisa todos as informações necessárias. “A Pfizer estará em total colaboração com a Anvisa para que esse processo transcorra da melhor maneira e o mais rapidamente possível”, afirma.

A empresa anunciou na última semana sobre o imunizante ter 95% de eficácia. A previsão é que o pedido de uso emergencial da vacina nos Estados Unidos deve ser realizado nesta sexta-feira (27).

Se a autorização foi efetivada, a farmacêutica deseja iniciar as vacinações nos norte-americanos até meados de dezembro deste ano. Foi prometida pela farmacêutica 50 milhões de unidades da vacina em 2020, sendo o suficiente para imunizar 25 milhões de indivíduos.

De acordo com a Pfizer, o comitê de monitoramento de informações que acompanha o estudo não relatou nenhuma preocupação séria de segurança sobre a vacina.

Matérias Relacionadas