Cedae deixa buraco aberto em movimentada via do Colubandê

A situação acontece desde a última quarta-feira (18)

Enviado Direto da Redação

Por Ana Carolina Moraes*


Moradores da Avenida José Mendonça de Campos no Colubandê, em São Gonçalo, estão preocupados com um buraco feito na via principal na última quarta-feira (18). Segundo moradores, a cratera, que fica próximo ao número 903, foi feita por técnicos da Cedae e está causando diversos acidentes. 


"Desde que o buraco foi feito, estamos ouvindo, daqui de casa, o barulho dos carros em acidentes. Alguns veículos caem no buraco, outros freiam ao verem a cratera e o carro que vem atrás acaba batendo neles, outros estouram o pneu, já que o buraco é feito numa via de concreto, e é o dia todo ouvindo barulho de acidentes por causa dele. Eu vi que o buraco foi feito após o caminhão da Cedae e os agentes estarem aqui. Eles vieram colocar o hidrômetro em um imóvel daqui da rua que está há 3 meses sem água. Eles quebraram tudo, incluindo a calçada, e fizeram esse buraco na rua  Além dos acidentes, fica vazando água dessa cratera o dia todo", contou a técnica de Segurança do Trabalho, Cinthia do Couto, de 39 anos.


Carros furam o pneu no buraco
Carros furam o pneu no buraco | Foto: Arquivo pessoal


Na região, a cratera tem sido a grande dor de cabeça da população que tenta de inúmeras formas sinalizar para os veículos o buraco, para que estes se protejam dele. "Já colocamos galhos, hoje um outro morador colocou uma lixeira, cheguei até a colocar um caixote, mas um carro até passou por cima e jogou o caixote no buraco. Está um absurdo! Mesmo com a chuva de ontem (19), ficamos tentando resolver. Tenho medo que que o pior aconteça. É uma falta de respeito!", contou a moradora que também é estudante de fisioterapia.


Moradores taparam o buraco com galhos para evitar acidentes de carros
Moradores taparam o buraco com galhos para evitar acidentes de carros | Foto: Arquivo pessoal


Em nota, a Cedae informou que "equipe da Cedae já está programada para retornar ao local nesta sexta-feira (20/11) para dar prosseguimento ao reparo, que deverá ser concluído até segunda-feira (23/11) com a recomposição asfáltica do trecho, a depender da melhora nas condições do tempo."


*Estagiária sob supervisão de Marcela Freitas 

Veja também