Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar down 5,0697 Euro down 5,2396
Search

O sonho de adotar um pet se tornou realidade após mais uma campanha da RJPET

A segunda adoção aconteceu neste último domingo no Bangu Shopping

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 11 de novembro de 2020 - 18:41
A bióloga Louise Schiatti adotou duas gatinhas
A bióloga Louise Schiatti adotou duas gatinhas -

O sonho de adotar um amiguinho de quatro patas, foi realizado neste último fim de semana, por várias famílias que participaram da segunda campanha de adoção RJPET.

“Em menos de uma hora metade dos animais que estavam disponíveis para adoção, foram adotados. Eles realmente conquistaram os corações de quem passava pelo local. Impossível não se apaixonar, pois era cada cão e gato mais lindo que o outro. Essa campanha que teve total apoio do Governador em exercício Cláudio Castro, realmente está sendo um sucesso. E a gente vê claramente como muitas famílias estão mais receptíveis a levar para casa um bichinho sem raça definida, “explicou o secretário de agricultura Marcelo Queiroz.

A bióloga, Louise Schiatti, é simplesmente apaixonada por gatos, e ate se intitula “gateira”, inclusive já tem dois em casa. Segundo ela, foi à feira, apenas para olhar os animais. Mas dizem que gateira que é gateira não consegue só olhar, tem que adotar. “Meu marido vai me matar,” a bióloga riu ao fazer esse comentário. “Não resisti e tive que adotar uma gatinha, ela é linda demais,” continuou.

Pouco antes da campanha de adoção acabar, Louise havia adotado duas gatas de dois meses cada. “Não consegui levar uma irmã e deixar a outra, elas são muito agarradas, decidi levar as duas, agora sou mãe de quatro gatinhas e estou muito feliz”. Mas Louise, e o marido? “Ah, já fiz uma chamada de vídeo e ele também se apaixonou por elas. Família feliz,” finalizou a bióloga que foi embora com o marido levando as duas gatinhas. 

Mas quem pensa que os pets só encantam as crianças e adultos, engano. Durante a feira, um casal de aposentados conquistou o coração de todo mundo. Dona Ilza Silva de 68 anos e Seu José Antônio de 69 contaram que há dias procuravam pelas ruas um cachorrinho para adotar, quando foram pagar umas contas no shopping e passaram pelos animais que estavam ali para adoção resolveram dar uma olhadinha.

“A nossa ideia era pegar na rua mesmo, poque eu prefiro ajudar os que precisam, não gosto de comprar animais, e quando olhamos para Joana não resistimos, uma vira-latinha tão linda. Não pensamos duas vezes, “disse dona Ilza. Seu Antônio contou que sempre amou animais, e que o cachorrinho do casal havia falecido em 2019. Desde então sentiam muita falta de um amigo de quatro patas. “O que eu posso dizer é que uma casa com um animal sempre é mais feliz e eles são as nossas melhores companhias”.  

A segunda campanha de adoção RJPET aconteceu neste último domingo no Bangu Shopping. Foi uma iniciativa da Secretaria de Estado de Agricultura, responsável pela proteção e bem-estar animal, em parceria com shopping.

Matérias Relacionadas