Confusão: fiscalização no Alcântara termina com fiscal ferido

O funcionário público foi atingido com um bastão na cabeça

Enviado Direto da Redação
O caso foi registrado na 74ª DP (Alcântara)

O caso foi registrado na 74ª DP (Alcântara)

Foto: Divulgação



Na tarde desta sexta-feira (10), uma ação de fiscalização com o objetivo de coibir a prática irregular de comércio ambulante no Alcântara, em São Gonçalo, terminou em confusão. Segundo a Prefeitura, um fiscal, de 39 anos, foi agredido com um bastão de madeira e acabou ficando ferido. O funcionário público foi levado para o Pronto Socorro Central (PSC) e levou pontos na cabeça.



A confusão foi registrada por pedestres que passavam pelo local e acabou ganhando repercussão nas redes sociais. A ação teve a participação de agentes da Secretaria de Fiscalização de Posturas de São Gonçalo e policiais militares do 7° Batalhão. A Prefeitura afirma que a operação, que vem ocorrendo desde a última quinta-feira, tem como objetivo  melhorar o ordenamento urbano.



A ação não foi aceita pelos ambulantes, que julgam a ação de apreensão das mercadorias como covardia e abuso de autoridade. No entanto, a administração do município rebate que a operação visa coibir e retirar os ambulantes não regularizados das ruas.



O caso foi registrado na 74ª DP (Alcântara). O fiscal agredido prestou depoimento na distrital e depois foi encaminhado para a realização de corpo de delito no Instituto Médico Legal (IML), de Tribobó.



Veja também