Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar down 5,0867 Euro up 5,2556
Search

Projeto instala pia na Rua da Feira para que gonçalenses lavem as mãos

Iniciativa é dos movimentos "O Alcântara que Queremos" e "Pia do Bem"

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 29 de abril de 2020 - 14:44
Pia foi instalada em local próximo a Rua da Feira
Pia foi instalada em local próximo a Rua da Feira -

Por Daniel Magalhães*

Lavar as mãos com água e sabão ou higienizá-las com álcool em gel. Essas recomendações já se tornaram parte de nossa rotina e, assim que chegamos em nossas casas, lavar as mãos se tornou prioridade. Mas, para aqueles que estão nas ruas, poucas são as chances de conseguir lavá-las efetivamente para se prevenir da ameaça do novo coronavírus. Pensando nos que estão diariamente nas ruas de Alcântara, um dos bairros mais movimentados de São Gonçalo, o movimento "O Alcântara que Queremos" juntamente o "Pia do Bem" pensaram em um alternativa para os moradores de rua e quem está na correria do dia a dia e com pouco tempo de parar para higienizar as mãos.

Em parceria, os dois projetos instalaram uma pia próxima a Rua da Feira, um dos pontos mais movimentados do bairro, para que quem passe no local consiga garantir sua prevenção. A pia conta com dois baldes, um na parte de cima onde fica a água limpa e a torneira puxa, outro na parte de baixo que acumula a água suja que sai da pia. Segundo o porta-voz do O Alcântara que Queremos, Luciano Roberto, um voluntário ajudará na conservação da estrutura.

"Temos um voluntário que vai cuidar da manutenção, quem quiser colaborar com doação de detergente ou outros itens de higiene, pode entrar em contato conosco, vai ajudar bastante.", disse. "Também despeja a água acumulada no balde de água suja na rede de esgoto mais próxima", completou.

Mas a iniciativa também depende do apoio e da conservação dos populares para que a Pia do Bem seja espalhada por outras partes de Alcântara e até outros bairros de São Gonçalo. Luciano lembra, porém, que para que o projeto continue os usuários precisam conservar bem a estrutura.

"Pedimos a ajuda da população pra ajudar a conservar a pia para que possamos expandir e colocar mais espalhadas pelo bairro. Inicialmente no Alcântara, porém, dando certo podemos considerar colocar em outros bairros também, tudo depende da aceitação e apoio da população em manter a conservação da pia.", finalizou.

*Estagiário sob supervisão de Thiago Soares

Matérias Relacionadas