Institutos de educação se unem para distribuir cestas básicas em comunidades do Rio

Segundo pesquisa Data Favela/Instituto Locomotiva, 86% de moradores de favelas já têm ou terão dificuldades para comprar alimentos

Escrito por Redação 27/04/2020 15:32, atualizado em 27/04/2020 18:22
. Foto: Divulgação



Cinco marcas de educação, sendo a escola de idioma Cultura Inglesa, a escola de tecnologia codeBuddy, os programas bilíngues Edify e GO Bilingual, além do curso online Hyper English, se juntam ao Instituto da Criança em uma só corrente na campanha “Escolas por todos”.



A iniciativa visa arrecadar verbas que serão revertidas em cestas básicas para famílias de comunidades afetadas economicamente durante o período de isolamento social, devido à pandemia da Covid-19.



Desde o início do isolamento recomendado pela Organização Mundial da Saúde, Ministério da Saúde e demais órgãos oficiais, o impacto econômico vem sendo crescente nas comunidades. Segundo pesquisa Data Favela/Instituto Locomotiva, 86% de moradores de favelas já têm ou terão dificuldades para comprar alimentos devido à queda de receita das famílias.



A ideia da ação é mobilizar alunos, colaboradores, redes de escolas parceiras espalhadas pelo país e toda a sociedade para apoiar a iniciativa, que vai atender famílias em situação vulnerável neste momento.  


 

Por meio do site www.escolasportodos.com.br, é possível saber mais sobre como ajudar, acompanhar todo o progresso da campanha, toda a prestação de contas e conferir detalhes sobre a entrega das doações, que serão lideradas pelo Instituto da Criança. Todos que contribuírem ainda podem deixar uma mensagem para as famílias que irão receber os itens.



"Vamos lançar uma nova frente, formando uma rede de solidariedade entre alunos, pais, colaboradores de escolas e outros parceiros, para um mesmo fim: contribuir com famílias mais vulneráveis nesse período.  Convidamos todos a participar, doando recursos ou divulgando para amigos", diz o cofundador e presidente do Instituto da Criança, Pedro Werneck.




“Nesse momento, entendemos que o mais importante a fazer, além de nos cuidarmos, é nos unirmos. Temos uma relação próxima com o Rio, onde fica a nossa sede, e um dos locais que vai enfrentar os maiores desafios no combate a esse vírus, e queremos somar forças apoiando a atuação de uma instituição séria, que é o Instituto da Criança. A nossa missão sempre foi causar impacto positivo por meio da educação e formar cidadãos globais, então, é preciso agir ativamente, colaborar e exercitar nossa cidadania em assuntos como esse. Essa é a maior lição para superar isso”, afirma Cristina Cadore, Diretora de Mercado e Desenvolvimento da Cultura Inglesa.

 

 

Sobre o Instituto da Criança



O Instituto da Criança é uma solução para promover o desenvolvimento humano. Por meio do investimento social privado e da gestão de projetos, a organização inspira a prática da solidariedade. Com 26 anos de história, o Instituto funciona como uma via de aproximação entre pessoas físicas e jurídicas que têm condições e vontade de contribuir, contudo não sabem como fazer este investimento chegar a quem realmente precisa. Anualmente, investe em projetos e campanhas de educação, cidadania, geração de renda e desenvolvimento comunitário.



 

Sobre a Cultura Inglesa



A Cultura Inglesa – do RJ, ES, GO, RS e DF – possui mais de 80 unidades. É uma empresa que sempre busca inovação, atuando há mais de 85 anos no segmento de ensino de idioma e que sonha em projetar o Brasil no cenário global por meio da educação, formando cidadãos confiantes e fluentes no inglês.



Com o objetivo de fazer a diferença no ensino do país, a rede de escolas de inglês junta inovação e experiência para incentivar o aprendizado de habilidades que vão muito além do idioma.



 

Sobre a codeBuddy



Com mais de 45 unidades espalhadas por diferentes estados, a escola de programação e robótica para crianças e jovens, oferece cursos regulares – que exploram os mundos da lógica e da matemática, dos games, dos aplicativos, da robótica (ou “mundo maker”) e da web – e oficinas temáticas de curta-duração, sempre propondo desafios aos participantes. Por meio de projetos, a codeBuddy incentiva os alunos a criar seus próprios protótipos, apps ou games.


 

 

Sobre o Edify



É um programa bilíngue para escolas regulares, disponível para todo Brasil, que trabalha a aprendizagem da língua com metodologia baseada em experiências, o chamado Project Based Learning (PBL).



Três pilares fundamentam a proposta pedagógica do Edify: o aprimoramento da língua, com o aprendizado de estruturas linguísticas; projetos em sala de aula que permitem que sejam exercitadas habilidades socioemocionais e o estímulo à cidadania global. Todos os colégios parceiros recebem materiais, acompanhamento, treinamento e incentivo ao desenvolvimento profissional constantes.



 

Sobre o GO Bilingual



O GO Bilingual é um programa bilíngue para escolas regulares que apresenta como um dos seus principais diferenciais o custo-benefício.



O modelo de acompanhamento começa com uma formação presencial robusta para os professores, seguida de treinamentos presenciais de reciclagem a cada seis meses. No decorrer do programa, o professor de inglês conta com um Portal Digital desenvolvido especialmente para suas necessidades, onde ele poderá realizar cursos online de aprofundamento, acessar sugestões de projetos e atividades de sala de aula, acompanhar um blog de tendências voltados para a prática de ensino bilíngue e solicitar assessoria pedagógica por vídeo.

 


 

Sobre o Hyper English



O Hyper English é um curso online de inglês disponível para alunos a partir de 16 anos que possibilita adequar o plano de estudos de acordo com o tempo disponível e objetivo a ser alcançado. Mais do que um curso de inglês, o Hyper busca ser um parceiro do aluno no processo de aprendizagem, oferecendo suporte e incentivos humanos durante as aulas.

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas