Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar down 5,1500 Euro down 5,2343
Search

Saúde investiga as possíveis mortes de mais dois PMs por covid-19

Segundo tenente e sargento morreram por problemas respiratórios. Técnica de enfermagem da corporação teve morte pela doença confirmada

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 23 de abril de 2020 - 13:17
Sargento Carla Dias era técnica em enfermagem do Hospital Central da PM, no Rio
Sargento Carla Dias era técnica em enfermagem do Hospital Central da PM, no Rio -

A Polícia Militar do Estado e a Secretaria de Saúde do Rio investigam as possíveis mortes de  mais dois PMs em decorrência da covid-19, provocada pelo coronavírus. O segundo tenente Sérgio Accioli de Souza Magalhães, de 58 anos, era da reserva e ingressou na corporação em 1984. Segundo publicações de amigos e familiares nas redes sociais, ele foi mais uma vítima da covid-19. Sérgio morreu com problemas respiratórios no Hospital Central da Polícia Militar. O tenente foi submetido ao teste para covid-19 mas o resultado ainda não foi confirmado. 

O sargento Diógenes Moreno, de 43 anos, também morreu com problemas respiratórios no Hospital Central da Polícia Militar. Ele chegou a fazer o teste para o novo coronavírus mas o resultado não ficou pronto. Diógenes estava na corporação desde 1999 e era lotado no 14º BPM (Bangu). A PM divulgou uma nota lamentando a morte. A Polícia Militar também confirmou a morte da sargento Carla Dias, 46 anos, técnica de enfermagem da corporação que morreu em decorrênca da doença Hospital Central da PM (HCPM), no Estácio, no Estácio, nesta quarta-feira (22). Ela trabalhava na unidade de saúde há 22 anos. 

Matérias Relacionadas