Irmão de Bolsonaro é barrado em açougue de São Paulo

Ele não respeitou medidas adotadas contra o coronavírus

Escrito por Redação 16/04/2020 12:53, atualizado em 16/04/2020 13:44
Embora tenha respeitado a fila, Renato se recusou a vestir máscara
Embora tenha respeitado a fila, Renato se recusou a vestir máscara . Foto: Reprodução/Redes Sociais

O irmão do presidente Jair Bolsonaro, Renato Bolsonaro, foi barrado em um açougue na última segunda-feira (13), após ignorar as recomendações sanitárias para conter o avanço do novo coronavírus no país.

Renato Bolsonaro foi barrado no estabelecimento, localizado no interior de São Paulo, e não foi atendido por não estar usando máscara, que é uma das determinações adotadas pela prefeitura para prevenir o contágio.

O irmão do presidente mora em Miracatu (SP), mas foi para a cidade vizinha fazer compras no açougue. Segundo as normas do município, o acesso a estabelecimentos deste tipo deve ser limitado a duas pessoas por vez e só entra quem estiver usando máscara.

Renato aguardou na fila, mas se recusou a usar máscara na hora de entrar no estabelecimento, disseram testemunhas ao jornal Folha de São Paulo. Ao ser impedido, ele teria exigido que alguém o servisse do lado de fora, o que é proibido.

Com o atendimento negado, Renato Bolsonaro reclamou na frente do estabelecimento e foi embora.

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas