Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar down Euro down
Search

Setor de eventos brasileiro inicia pesquisa sobre impacto do Covid-19 na área

O setor foi um dos mais atingidos pela pandemia

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 15 de abril de 2020 - 16:45
A pesquisa conta com a participação on-line dos usuários
A pesquisa conta com a participação on-line dos usuários -

A Associação Brasileira de Empresas de Eventos (ABEOC), a União Brasileira dos Promotores Feiras (UBRAFE) e Sebrae vêm realizando uma pesquisa para avaliar os impactos da Covid-19 em toda a cadeia produtiva da área de eventos. Os estudos servirão de base para as estimativas de retomada do setor, um dos mais atingidos pela pandemia.

“Nos últimos 30 dias, todos os prognósticos que tínhamos sobre 2020 foram dizimados pela COVID-19. As perspectivas de crescimento do mercado de eventos, assim como de toda a economia deram lugar às incertezas, à incessante busca de auxílio e à preocupação em sanar problemas imediatos, como rompimento de contratos, manutenção de equipes, pagamento de fornecedores, busca de calendário, ressarcimento ao consumidor, ou seja, a sobrevivência”, reflete a presidente da ABEOC Brasil, Fátima Facuri.

“Porém, é preciso ampliar nosso campo de visão e lembrar que vai passar. E como estaremos quando for dada a relargada? Preparados para a corrida? Prontos para atender os clientes? Aptos a cumprir acordos e as tão solicitadas remarcações? O amanhã precisa ser agora.”, continuou Facuri.

A pesquisa conta com a participação on-line dos usuários. Para responder a pesquisa, acesse: clique neste link.

Matérias Relacionadas