Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar down 5,0852 Euro up 5,2372
Search

Gonçalenses se aglomeram em filas de agências bancárias da cidade

As filas são observadas em diversas agências pelo município

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 15 de abril de 2020 - 11:20
Uma fila se formou na frente da agência do Itaú que se localiza na Rua Doutor Alfredo Backer, no Alcântara
Uma fila se formou na frente da agência do Itaú que se localiza na Rua Doutor Alfredo Backer, no Alcântara -

Por Ana Carolina Moraes*

Mesmo com o decreto de isolamento social e a recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS) que pede que as pessoas evitem sair de suas casas, não é isso o que vem ocorrendo em São Gonçalo. Isso porque diversas pessoas vem se aglomerando em filas de banco por todo o município. Na manhã desta quarta-feira (15), foram observadas diversas pessoas na frente da agência do Banco Itaú, na Rua Doutor Alfredo Backer, no Alcântara. As pessoas buscavam por diversos serviços, como regularizar o CPF, para receber o auxílio emergencial do governo, fazer transações bancárias e sacar pagamentos. 

Com o horário reduzido do funcionamento dos bancos, que agora atendem das 10h até às 14h, as pessoas acabam buscando ir até as agências para sanar dúvidas ou realizar transações financeiras ainda em horário de expediente, o que acaba reunindo muitas delas e gerando aglomerações e filas. No entanto, mesmo com as filas, nem todos conseguem ser atendidos, já que a própria equipe de funcionários das agências bancárias também está reduzida para evitar a proliferação do Covid-19.

Vale lembrar outra recomendação da OMS é manter pelo menos 2 metros de distância de cada pessoa. Muitos bancos desenharam espaços no chão para que ocorra esse distanciamento, mas as pessoas nem sempre respeitam essa medida e acabam interagindo de diversas formas, o que é preocupante nessa época de pandemia.

Mesmo que, segundo as agências bancárias, a higienização dos locais esteja sendo constante, nas filas, são vistas diversas pessoas sem máscaras ou sem nenhuma outra forma de proteção contra o coronavírus, o que também é contra as normas de proteção contra o Covid-19.

Nessas filas há também diversos idosos, que tem dificuldade de realizar transações bancárias pela internet, e pessoas com doença crônicas, que contemplam o grupo de risco do coronavírus, por isso, a preocupação com as interações e com a limpeza constante de caixas eletrônicos e agências é algo necessário e constante.

Vale lembrar que no município de São Gonçalo já foram confirmados cerca de 99 casos de pacientes infectados pelo coronavírus, sendo 52 homens e 47 mulheres. Além disso, foram registradas cinco mortes no município. Até a última terça-feira (14), existiam 1574 pessoas com a suspeita da doença no município e outros 277 casos descartados.

Na última semana, o jornal O SÃO GONÇALO noticiou as enormes filas que se formam em agências da Receita Federal e em bancos no município.Confira a matéria anterior sobre o tema: Para regularizar CPF, gonçalenses fazem filas em agências da Receita Federal.

*Estagiária sob supervisão de Marcela Freitas 

Matérias Relacionadas