Itália estende até maio o período de isolamento social em todo o país

Medidas ficaram mais rigorosas para italianos

Escrito por Redação 03/04/2020 12:17, atualizado em 03/04/2020 13:09
Após atingir mais de 13 mil mortes, Itália estende período de isolamento social até maio
Após atingir mais de 13 mil mortes, Itália estende período de isolamento social até maio . Foto: Divulgação

Vivendo dias sombrios, a Itália, um dos países mais afetados com a infecção do novo coronavírus, terá o isolamento social prolongado e mais rigoroso. De acordo com o chefe da Defesa Civil italiana, Angelo Borrelli, o confinamento se estenderá pelo menos até 2 de maio. Até então o fim da quarentena estava previsto para o dia 13 de abril.

Em entrevista à uma rádio local, nesta sexta (3), Borrelli disse não acreditar que a situação tenha sido normalizada até 1º de maio. “Precisamos ser extremamente rigorosos”, alertou ele que já adiantou a necessidade dos italianos ficarem em casa por muitas semanas.

A Itália tem até o momento mais de 13 mil mortes de pessoas infectadas pelo Covid-19 e mais de 115 mil testados positivo. Após políticos se recusarem a aderirem o isolamento total no país, o prefeito de Milão chegou a se desculpar pela atitude diante dos altos números de vítimas.

O país está em isolamento desde o dia 9 de março. Todo o comércio, exceto farmácias e mercados, estão fechados e os eventos foram cancelados. Além disso, o transporte de mercadorias foi limitado.

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas