Agentes de saúde relatam descaso com os casos suspeitos do Covid-19 em SG; veja o vídeo

A diretora do Sinacs disse que está com os sintomas da doença

Enviado Direto da Redação

Duas funcionárias da saúde de São Gonçalo mostraram toda sua revolta diante do descaso que a Secretaria Municipal de Saúde estaria fazendo com os agentes do município. Em um vídeo que circula na internet, a diretora do Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde (Sincacs) Andrea Petra, afirma que está com os sintomas do novo coronavírus mas que nenhum teste foi feito.

Usando máscaras e tossindo bastante durante a gravação do vídeo, Petra mostrou uma outra agente de saúde comunitária que está passando pela mesma situação. “Estou passando mal desde o dia 6 [de março], fui na UPA e eles passaram apenas uma medicação e me mandaram de volta para casa. Não fizeram nada, estava de febre alta e já tenho problema respiratório”, disse a mulher identificada como Catinha.

Ela continua o desabafo. “Não estou pedindo para me tirar do trabalho não, eu só quero que me respeite como uma funcionária de saúde”, diz ela. Petra também faz um pedido para que as autoridades façam alguma coisa por eles e relata que os casos suspeitos do vírus não estão sendo submetidos aos testes.

“Minha irmã chegou sábado da Itália com todos os sintomas e não falaram nada. Por isso São Gonçalo não está apresentando tantos casos do coronavírus, eles não fazem os testes. Se a gente está adoecendo é porque a gente está lutando para uma saúde melhor no município”, finaliza a diretora do Sinacs.

A prefeitura de São Gonçalo, em nota, falou sobre o caso e informou que segue orientação do Ministério da Saúde de realizar testes apenas em quem apresenta sintomas gaves da doença. Veja a nota na íntegra.

“A secretaria municipal de Saúde informa que o atendimento para casos gripais e a realização dos testes para o Covid-19, segue o protocolo do Ministério da Saúde de realizar os testes apenas em casos diagnosticados como graves pelo médico que está realizando o atendimento. A Upa não realizou o exame em função deste procedimento preconizado.

A recomendação do Ministério é de que ao sentir sintomas da doença, permaneça em casa em isolamento social. Só deve se procurar emergências em caso de falta de ar. Repetindo, esta é a recomendação do Ministério da Saúde, que está fazendo esta divulgação em larga escala.

Informa ainda que a Upa do Colubandê é de administração estadual, ou seja, segue os protocolos da secretaria estadual de Saúde.”

Veja também