Empresa oferece bonecas sexuais para substituir namoradas humanas

O cliente pode montar a boneca do zero, de acordo com seu gosto

Enviado Direto da Redação
Segundo o empresário Loui Love, as bonecas oferecem experiências únicas e personalizadas

Segundo o empresário Loui Love, as bonecas oferecem experiências únicas e personalizadas

Foto: Divulgação


Na era da tecnologia, trocar namoradas humanas por um relacionamento com bonecas é a tendência. Pelo menos é o que afirma o fundador da empresa Silicone Lovers, produtora de bonecas hiper-realistas na China, Loui Love.


Segundo ele, as bonecas oferecem experiências únicas e personalizadas. O cliente pode escolher desde a cabeça até as unhas dos pés, a forma do corpo, o estilo da vagina, o estilo do cabelo, se terá sardas e tatuagens, a fim de que seja moldada a seu gosto.


As bonecas são autônomas, com movimentos corporais semelhantes aos humanos. No entanto, Loui afirma que movimentos como o da boca, por exemplo, tornam perceptíveis que a boneca é um robô. O empresário pretende investir e produzir cada vez mais robôs que sejam indistinguíveis dos humanos, para evitar o estranhamento do cliente.


Outras empresas voltadas para o ramo de bonecas sexuais, como a Realbotix e a Cloud Climax, estão no mercado. A Realbotix estuda a possibilidade de desenvolver bonecas com capacidade de visão. Já a Cloud Climax promete produzir parceiras sexuais com inteligência artificial capaz de "respirar" como os humanos.

Veja também