Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar up 5,3302 Euro up 5,5584
Search

Funcionários dos Correios anunciam greve a partir desta quarta-feira

Os trabalhadores, porém, não descartam novas negociações

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 30 de julho de 2019 - 17:51
Categoria protesta contra o baixo reajuste salarial e contra a retirada de direitos históricos
Categoria protesta contra o baixo reajuste salarial e contra a retirada de direitos históricos -

Os trabalhadores dos Correios anunciaram que vão entrar em greve a partir da noite desta quarta-feira (31). 

De acordo com Fischer Moreira, secretário de imprensa da Fentect, a categoria protesta contra o baixo "reajuste salarial e contra a retirada de direitos históricos da categoria". 

Uma das alterações propostas pela empresa é a exclusão de pais como dependentes no plano de saúde dos funcionários e aumento na coparticipação do plano, que hoje está por volta de 30%. O reajuste salarial proposto é de 0,8%, valor considerado irrisório pela federação.

A greve foi anunciada ao presidente dos Correios, Floriano Peixoto, nesta segunda (29). Apesar do indicativo de paralisação, os trabalhadores não descartam ainda novas negociações. 

"Ainda que tenha uma data marcada para greve, o comando continua à disposição de negociar. Entendemos o momento da empresa, mas é necessário também ver o lado do trabalhador", afirmou Moreira.

Os Correios afirmaram que "continuam em negociação com representações dos empregados", com mediação do Tribunal Superior do Trabalho, e que "não é oportuno tratar de greve neste momento".

Matérias Relacionadas