Aluno de Engenharia Civil da Universo é premiado e reconhecido pela revista Casa Design

Discente do 8º período ele já possui diversas experiências em obras

Escrito por Redação 28/07/2019 09:38, atualizado em 28/07/2019 09:42
Filho de mestre de obras, mundo das construções sempre fez parte de sua vida >>Telmo já realizou vários projetos reconhecidos e alguns deles foram premiados
Filho de mestre de obras, mundo das construções sempre fez parte de sua vida >>Telmo já realizou vários projetos reconhecidos e alguns deles foram premiados . Foto: Kiko Charret

“Sempre fiel ao nobre fundamento, da ciência em favor do bem comum em obra por mim construída. Nela estará parte da minha alma, meus esforços, minha responsabilidade, o que de melhor posso oferecer”: prestes a concluir a graduação em Engenharia Civil, o juramento do curso já faz parte da vida de Telmo Santos, de 43 anos.


Aluno do 8°período na Universidade Salgado de Oliveira (Universo), ele já é uma referência para outras pessoas na profissão e possui construção de grandes obras em seu currículo. O premiado engenheiro já teve seu trabalho reconhecido na Casa Design, uma das mais bem conceituadas revistas do país no segmento de engenharia e arquitetura.


Na Universo, Telmo conseguiu conciliar sua experiência de vida com os conhecimentos e ensinamentos transmitidos pelos professores em sala de aula. “Sempre realizei meu trabalho da melhor maneira possível e as pessoas acreditaram no meu potencial até mesmo antes de mim. Através disso, surgiu o meu desejo e interesse de unir conhecimentos do planejamento à construção. A Universo ampliou meus horizontes. Atualmente tenho um novo olhar para a construção civil”, disse.


Segundo Telmo, além da teoria, a Universo proporciona na prática a vivência na profissão escolhida através dos professores que promovem obras com os próprios alunos. “Na Universo, o professor acredita em você. Hoje eu sou outra pessoa, falo de outra forma, o que eu aprendi aqui. Estava muito tempo fora da sala de aula e agora eu consigo me comunicar com os clientes também. Comecei a minha graduação aqui há cinco anos e é impressionante como os docentes se dedicam a todos. Os professores nos levam para conhecer a realidade”, relatou.


Criado no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo, o mundo da construção desde sempre fez parte de sua trajetória, já que seu pai é mestre de obras. Durante sua vida, trabalhando também como pedreiro, conheceu diversos profissionais da área que apresentaram a decoração de interiores.


O engenheiro atualmente realiza o acompanhamento de todas as etapas da obra, do projeto à finalização. “Através de diversas pessoas, como Márcia e Leíla Buarque me apresentaram a decoração e fiz o curso. Agora consigo unir a engenharia e a decoração. Eu trabalho do início ao final, trabalhando com o cálculo, da construção, da alvenaria ao resultado final, da pintura, decoração, design, combinação de cores. Então, eu me transformei em um profissional completo”, contou.


Telmo firmou uma parceria com a decoradora Mariza Dias e vários projetos já foram realizados e premiados. Ele falou ainda sobre o sentimento que essas premiações proporcionam à ele, quando vê o que conseguiu. “Eu achava que nunca chegaria a esse ponto e realmente é possível acreditar, parece um sonho”, contou.


Para os novos ingressantes da Engenharia Civil, Telmo aconselha que através da dedicação é possível vencer. “Quero que eles acreditem que um sonho pode se transformar em uma realidade. Todos podem, basta ter dedicação e empenho no que a gente se propõe. Através do estudo conseguimos qualquer coisa”, concluiu.

/Filho de mestre de obras, mundo das construções sempre fez parte de sua vida >>Telmo já realizou vários projetos reconhecidos e alguns deles foram premiados
Filho de mestre de obras, mundo das construções sempre fez parte de sua vida >>Telmo já realizou vários projetos reconhecidos e alguns deles foram premiados. Foto por Kiko Charret
/Telmo já realizou vários projetos reconhecidos e alguns deles foram premiados
Telmo já realizou vários projetos reconhecidos e alguns deles foram premiados. Foto por

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas