Cantor de São Gonçalo recebe apoio do produtor Rick Bonadio

Após incentivo da esposa, o artista do Colubandê decidiu seguir seu sonho

Escrito por Redação 31/07/2019 11:11, atualizado em 23/07/2019 12:06
Luiz Moraes decidiu retomar o sonho de se tornar cantor graças ao incentivo da esposa
Luiz Moraes decidiu retomar o sonho de se tornar cantor graças ao incentivo da esposa . Foto: Divulgação

O cantor e compositor Luiz Moraes, morador do Colubandê, em São Gonçalo, acaba de ganhar destaque em uma seleção feita pelo produtor Rick Bonadio, responsável pelas carreiras de artistas como Mamonas Assassinas, Charlie Brown Junior, Rouge e Br’oz. Em uma triagem com milhares de inscritos, Luiz foi um dos 12 selecionados no Brasil para apresentar seu trabalho, em São Paulo.

No evento, uma espécie de workshop, Luiz que não gosta de se ‘rotular’ com apenas um estilo musical, apresentou as canções: Tempo ao Tempo e Floriana, que compôs em parceria com Lula Moura e Cláudio Oliveira, respectivamente. Pelo destaque na seleção, Luiz Moraes poderá gravar futuramente na gravadora de Bonadio, a Midas Music.

“Fui selecionado em meio a tantas pessoas, tinha gente de Roraima e até Porto Alegre, foi um processo que o Rick acompanhou de perto e viu o meu potencial”, conta ele.

A partir daquele momento a vida do cantor começou a ser dedicada para sua carreira musical e hoje tem o desafio de conseguir investidores que possam dar apoio a ele.

“Eu larguei tudo há dois anos atrás para ser um grande músico e hoje dedico toda a minha vida para isso. Conseguir investidores para dar continuidade a isso é fundamental”, revela Luiz. Hoje, ele faz trabalhos em festas e eventos maiores, já fez show até em Copacabana. “Sou considerado um artista revelação e é isso que me motiva a continuar acreditando em mim”, afirma o artista.

Carreira - Luiz Moraes, que é da Ilha do Governador, mas há 15 anos mora em SG. O cantor começou muito cedo sua vida acadêmica, aos 15 anos ele passou para uma faculdade de edução física.

Neste mesmo período, ele tentou se conciliar a música com os estudos, chegou até ser apadrinhado por Gal Costa, mas acabou se afastando de seu grande sonho.

Depois de seu primeiro casamento, Luiz Moraes viveu uma intensa história de amor, se casou em apenas 10 dias de relacionamento e o romance reacendeu nele a vontade de correr atrás do seu sonho de viver de música.

Sua esposa, Luciana Pereira, foi uma das incentivadoras para que o músico largasse tudo para buscar pessoas que acreditasse em seu potencial.

World Music: um cantor e compositor sem rótulos 

Em sua carreira, o músico Luiz Moraes, conta que busca compor músicas que sejam homenagens a lugares ou pessoas que impactaram a vida dele de alguma forma, como por exemplo a experiência dele em Portugal, na cidade de Lisboa. Ele afirma ser assuntos que tem algum tipo de ligação com o que ele imagina correto na vida dele.



Além das músicas com críticas à sociedade o compositor revela que já fez duas músicas para sua esposa e que a inspiração surgiu fácil. Já fez também músicas que abordassem temas como empoderamento feminino.


Ele fala como é o seu processo de criação “Geralmente componho minhas músicas baseadas em poemas, de autores conhecidos e desconhecidos, firmo parceria com eles e começo a introduzir a melodia”, conta ele.


Luiz Moraes afirma que gosta desse processo e que a etapa de compor e cantar estão ligados, seu diferencial acaba sendo o seu ecletismo musical. O trabalho do cantor fica disponível nas redes sociais e ele usa a ferramenta como forma de divulgar o seu trabalho. Luiz coloca suas canções em plataformas onlines e o mantém sempre atualizado com novas canções que vai elaborando ou que já foi elaborada, ao longo de sua carreira.

/Luiz Moraes decidiu retomar o sonho de se tornar cantor graças ao incentivo da esposa
Luiz Moraes decidiu retomar o sonho de se tornar cantor graças ao incentivo da esposa. Foto por Divulgação
/Fã de Djavan, o cantor não gosta de rotular seu estilo
Fã de Djavan, o cantor não gosta de rotular seu estilo. Foto por Divulgação

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas