Moradores do Jardim Fluminense, em São Gonçalo, protestam contra multas abusivas

A rua não possui qualquer tipo de sinalização

Enviado Direto da Redação
De acordo com os comerciantes, a ação dos guardas tem afastado clientes da região

De acordo com os comerciantes, a ação dos guardas tem afastado clientes da região

Foto: Kiko Charret


Moradores e comerciantes da rua Campos, em Jardim Fluminense, São Gonçalo, estão passando por um problema desagradável em sua rua. Segundo eles, a Guarda Municipal da cidade tem constantemente aplicado multas em motoristas que estacionam no endereço, que não possui qualquer tipo de sinalização informando sobre a proibição do estacionamento no local.


"Eu tenho carteira de motorista há vários anos, nunca fui multada. Nas última semana recebi duas multas por atrapalhar a rodovia sendo que apenas parei o carro para descarregar, mas não tem uma placa informando sobre a proibição", disse Sandra Lage, comerciante da rua.


De acordo com os comerciantes, a ação dos guardas tem afastado clientes da região, o que tem causado uma drástica queda no faturamento. 


“Todos os comércios aqui geram emprego, renda e contribuição para o município e o que a prefeitura quer? Quebrar os comércios da cidade?”, questiona Mário Duarte, comerciante de 39 anos.

“Nenhum cliente vem mais aqui, porque tem medo de ser multado.” diz Marcos Paixão, dono de um salão de beleza.


Eles também afirmam que a ação é arbitrária já que, em outras ruas do entorno, o estacionamento acontece de forma irregular e nada é feito.


Questionada sobre a falta de sinalização na rua e a aplicação das multas em motoristas, a Prefeitura não respondeu até o fechamento desta edição.

Veja também