Professora de educação física consegue fazer cirurgia com dinheiro de “vaquinha online”

Renata Antunes perdeu a visão em 2018

Enviado Direto da Redação
Renata já realizou o primeiro procedimento no olho direito

Renata já realizou o primeiro procedimento no olho direito

Foto: Divulgação

Por Myllena Vianna*


Em maio, O SÃO GONÇALO contou o drama vivido pela professora de educação física Renata Antunes, de 37 anos, que perdeu a visão em 2018.


Após pedir contribuições em uma vaquinha online, Renata conseguiu arrecadar o valor dos custos do procedimento com células tronco na China. Desde o último dia 10, a professora está no país asiático e agradeceu todo apoio que recebeu em um vídeo enviado através das redes sociais. “Comecei o tratamento aqui e gostaria agradecer a todo que viram e se solidarizaram com a reportagem. A todos que se empenharam para realizá-la e a campanha social que foi mobilizada pela internet. Obrigada por me darem a esperança de fazer esse tratamento e poder trabalhar para reconquistar a minha visão”, afirmou.


Renata realizou o procedimento no olho direito nesta semana e agora será a vez do olho esquerdo passar pelo tratamento com as células-tronco. Ela retorna à São Gonçalo na próxima semana.


O tratamento dura entre 15 e 18 dias e tem um custo total de R$ 115 mil, com a possibilidade do retorno da visão completa do paciente.


Celi Antunes, de 57 anos, mãe de Renata precisou parar de trabalhar para auxiliar nos cuidados diários com a filha.


A professora perdeu 100% de sua visão após a retirada de um tumor frontal no cérebro. Ela e a família viram uma oportunidade na China, através desse tratamento com células-tronco para a reabilitação de sua visão. 


*Estagiária sob supervisão de Marcela Freitas

Veja também