Campanha da Cruz Vermelha oferece exames e óculos para gonçalenses

Campanha gratuita foi realizada no último fim de semana no município

Enviado Direto da Redação

A Cruz Vermelha calcula que cerca de mil gonçalenses estão sendo atendidos, em parceria com a ONG Renovatio, uma instituição paulista que já atendeu mais de 45 mil pessoas com exames de vista e óculos. A campanha, que chega à cidade de São Gonçalo pela segunda vez, traz uma novidade: um contêiner dotado de consultórios e equipamentos capazes de detectar o grau e o tipo de problema visual do paciente.

De acordo com o Pedro Ivo de Souza, diretor da Renovatio, o trabalho que nasceu dos bancos da universidade cresceu e agora é capaz de dar assistência ocular completa: "Começamos querendo diminuir a evasão escolar e descobrimos que as crianças tinham muita dificuldade de enxergar por não possuírem óculos ou sequer terem acesso ao oftalmologista. O projeto foi ampliado e já visitamos mais de 20 estados brasileiros e doamos mais de 45 mil óculos. Temos muitos parceiros, são empresas que contribuem e doam os óculos. A cada óculos vendido, um é doado. É tudo bem rápido, o paciente chega e é capaz de realizar uma série de exames, alguns raramente encontraria na rede pública de saúde com facilidade, após esses exames fazemos o óculos e ele vai pra casa com a nova visão ", explicou o diretor.

A ONG, que atende gente de todas as idades, resolveu inaugurar na cidade sua nova unidade volante, com três consultórios e uma ótica, dentro do contêiner. "Essa parceria com a a Cruz Vermelha em São Gonçalo nos mostrou o tamanho da necessidade da população local. Em.dois dias vamos atender cerca de mil pessoas e já estamos discutindo a ampliação da parceria para estabelecermos um atendimento regular. A Cruz Vermelha Brasileira São Gonçalo realiza um trabalho sério e muito respeitado na cidade".

Um dos responsáveis pela Cruz Vermelha na cidade, André Emerick, mostrou sua satisfação de trazer o projeto para atender a cidade pela segunda vez. "É uma super estrutura que se junta aos nossos consultórios para a realização das consultas com oftalmologistas e outros profissionais a fim de garantir que essas mil pessoas atendidas saiam daqui com o exame de  vista feito na hora em equipamentos de ponta, capazes de detectar problemas diversos de  visão e ainda saindo daqui com óculos no rosto, podendo enxergar não apenas o caminho, mas um futuro melhor. A parceria é muito positiva e foi muito bem aceita pela população. Em poucas horas as senhas foram distribuídas e conseguimos organizar o atendimento com.hora marcada.", disse André Emerick, acrescentando que dezenas de voluntários se uniram para garantir a organização e o atendimento. 

Os moradores da cidade também aprovaram a iniciativa."Estava precisando de óculos, mas antes sabia que tinha que fazer os exames para saber exatamente o que tem me incomodado na vista, que está constantemente irritada. O problema não é grave e o óculos vai ajudar a resolver", declarou a dona de casa, Maria Alves, de 48 anos que saiu emocionada após a consulta e já com o óculos. 

Outro atendido pelo projeto Ver Bem foi o aposentado Ademir Pereira, de 73 anos. Morador do Porto Novo saiu satisfeito da sede da Cruz Vermelha. "Vi a faixa informando do trabalho que seria realizado, peguei minha senha e hoje fui atendido por ótimos profissionais. Estava precisando trocar o óculos, mas principalmente fazer exames bem específicos que detectam problemas maiores e são mais difíceis de conseguir fazer", declarou. 

Veja também