Gonçalense cria plataforma sobre artigos do mercado financeiro

O portal tem o objetivo de informar pessoas interessadas pelo assunto

Escrito por Redação 12/11/2018 11:09, atualizado em 12/11/2018 09:41
 Morador do Bairro Antonina, Matheus Guimarães cria portal com artigos sobre o mercado financeiro
Morador do Bairro Antonina, Matheus Guimarães cria portal com artigos sobre o mercado financeiro . Foto: Luiz Nicolela

Por: Rennan Rebello

Apesar do mercado financeiro com suas vendas e compras de ações na Bolsa de Valores ter grande impacto econômico no cotidiano da sociedade, informações sobre esse tipo de operação ainda são bastante distantes e complexas para muita gente. Tendo essa premissa, o produtor cultural e graduando em História pela Universidade Federal Fluminense (UFF), Matheus Guimarães, de 24 anos, criou uma plataforma para publicar artigos e dialogar com pessoas interessadas em aprender mais sobre investimentos através do www.medium.com/investe526. O nome do projeto ‘Investe 526’ foi uma maneira de dizer que é morador do Bairro Antonina, em São Gonçalo.

“A proposta do site é ser um espaço de aprendizado e troca de vivências entre pessoas que têm pouco conhecimento sobre o assunto, mas desejam aprender e investir. A ideia surgiu porque eu sempre pesquisei diversos assuntos sobre investimentos, mas os textos eram sempre muito confusos e pouco didáticos. E também sempre tentavam vender a ideia de que você pode ficar rico do dia para noite, o que não é fato. No projeto, assim como tudo que faço, costumo deixar registrada minha paixão pela cidade. Mesmo não sendo um tema que seja diretamente ligado ao município, coloquei o 526 como registro do lugar onde vivo. A linha 526 faz ponto final na minha esquina, onde cresci e vivo. Então, onde o ‘Investe 526’ for lido, as pessoas irão saber que se trata de uma plataforma gonçalense”, disse Matheus, que também destaca que apesar de não ter uma formação na área de Economia, seu grau de instrução permite avançar neste âmbito e revelou que tem planos para investir em São Gonçalo no futuro.

“Eu sou formado em Produção Cultural e estudo História na UFF. Acho que os dois cursos podem ter ajudado no sentido de abrir meu interesse em conhecer novas áreas. E essa questão das finanças e do dinheiro estão envolvidos nisso. Por exemplo, porque não usar os retornos dos investimentos para iniciar um projeto cultural? Ou uma pesquisa sobre a história da cidade? Entender que o dinheiro é a base e saber ganhá-lo das mais variadas formas é importante neste sentido. Tenho planos para médio e longo prazo. Já que os empresários da cidade são tão negligentes, por que não criarmos um grupo que invista também na cidade?”, questionou. 


Em 2017, Matheus começou a investir e além de vislumbrar com virtuais lucros, ele pretende deixar uma herança de conhecimento além de financeira para sua filha Eva, de três anos, para que a pequena possa ter uma vida confortável por conta própria. "Ainda falta muito tempo pra ela, mas pretendo sim. Mesmo ela não se interessando pelo mercado financeiro, acho que é importante mostrá-la que é possível ter uma renda de formas variadas, não só no formato padrão de trabalho. E começando jovem é muito melhor. Eu comecei no ano passado, com poucos recursos. Em torno de 200,00. A partir desse investimento inicial comecei a entender como funcionava o mercado financeiro e suas movimentações. Hoje, os rendimentos não pagam integralmente minhas contas, mas com certeza esse é um objetivo no curto prazo", finalizou.



 Morador do Bairro Antonina, Matheus Guimarães cria portal com artigos sobre o mercado financeiro
Morador do Bairro Antonina, Matheus Guimarães cria portal com artigos sobre o mercado financeiro. Foto por Luiz Nicolela
. Foto por Luiz Nicolela

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas