Com baixo estoque, Hemorio pede que população doe sangue

Número de doações estão abaixo da média nos últimos dias

Enviado Direto da Redação
Número de doações estão abaixo da média nos últimos dias

Número de doações estão abaixo da média nos últimos dias

Foto: Divulgação

O Hemorio, órgão da Secretaria de Estado de Saúde (SES), alerta para a atual situação, crítica, dos estoques de sangue. A frequência no salão de doadores foi baixa no fim de semana prolongado do Dia de Finados e a preocupação aumenta com a proximidade dos feriados da Proclamação da República, no dia 15 e do Dia de Zumbi, no dia 20. Para manter os estoques em níveis confortáveis, são necessárias 250 bolsas por dia, de todos os tipos sanguíneos. Nos últimos dias, a média tem ficado abaixo de 200 bolsas diárias.

Hemocentro coordenador do estado do Rio de Janeiro, o Hemorio abastece as principais emergências, maternidades e unidades de saúde da capital, além de enviar sangue, quando necessário, para hospitais em todo o estado.

Para doar sangue, é preciso ter entre 16 e 69 anos, pesar no mínimo 50 kg, estar bem de saúde e portar um documento de identidade oficial com foto. Jovens com 16 e 17 anos só podem doar sangue com autorização dos pais ou responsáveis legais. Devem portar ainda um documento de identidade do responsável.  A autorização pode ser obtida no site do Hemorio.(http://www.hemorio.rj.gov.br/html/pdf/menor_idade.pdf)

Não é necessário estar em jejum, apenas evitar alimentos gordurosos nas quatro horas que antecedem a doação e não ingerir bebidas alcoólicas 12 horas antes. O Hemorio funciona todos os dias, das 7h às 18h, inclusive sábados, domingos e feriados, na Rua Frei Caneca, n° 8, no Centro do Rio.

O Disque Sangue (0800 282 0708) está disponível para tirar dúvidas e informar o endereço das outras 26 unidades de coleta de sangue no estado do Rio. O atendimento pelo telefone funciona de segunda a sexta-feira (exceto feriados), das 7h às 17h.

Veja também