Presos por furtar energia

Enviado Direto da Redação

O dono de uma padaria e um morador de uma rua do Mutondo, em São Gonçalo, foram presos em flagrante por furto de energia elétrica (gatos de luz), durante operação de policiais da Delegacia de Defesa dos Serviços Delegados e técnicos da concessionária Enel (Ampla), na tarde dessa quinta-feira. 

De acordo, com a Enel, os ''gatos de luz'' prejudicam a qualidade do serviço prestado pela empresa, podem causar interrupções do fornecimento de luz e trazem riscos à saúde das pessoas envolvidas na manipulação da rede elétrica, além de ser crime com pena prevista de 1 a 8 anos.

Para denúncias, sem a necessidade de identificação, deve-se acessar o site: http://www.eneldistribuicao.com.br/rj/.

Veja também