Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 5,2608 | Euro R$ 5,6075
Search

Hospitais do Estado do Rio comemoram o Dia Mundial da Saúde Bucal

Neste dia 20 de março, unidades da rede reforçaram importância da data em defesa da conscientização para diminuir índices de cárie

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 20 de março de 2024 - 23:50
Dia Mundial da Saúde Bucal foi criado para conscientizar a população sobre a importância dos cuidados odontológicos
Dia Mundial da Saúde Bucal foi criado para conscientizar a população sobre a importância dos cuidados odontológicos -

Neste 20 de março, Dia Mundial da Saúde Bucal, hospitais da rede estadual de Saúde do Estado do Rio reforçaram a importância da data em defesa da conscientização para diminuir os índices de cárie, doenças periodontais e perda dos dentes na sociedade. Os personagens “Dentinhos” percorreram enfermarias adultas e pediátricas das unidades mostrando que os cuidados bucais mais importantes são os mais acessíveis e fáceis. As crianças ganharam kit com pasta de dente, escola e antisséptico bucal.

Os Hospitais Estaduais Alberto Torres (Heat), em São Gonçalo, João Batista Cáffaro, em Itaboraí, Roberto Chabo, em Araruama, e Zilda Arnes, em Volta Redonda, além do Instituto Estadual do Cérebro, no Rio, administrados pelo Ideas em parceria com o Governo do Estado, vêm investindo no atendimento de odontologia junto aos pacientes internados nos CTIs e clínicas médicas.

De acordo com o coordenador de odontologia do Heat, William Chaia, a higiene bucal previne principalmente pneumonia nosocomial e outras infecções respiratórias. "Nosso trabalho, junto com toda a equipe multiprofissional, é olhar o paciente como um todo e ajudar no controle de infecções ao aplicar um conjunto de práticas para o bem-estar e a qualidade de vida do paciente".

A boa higiene oral é alcançada quando os dentes, a língua e as gengivas estão limpos
A boa higiene oral é alcançada quando os dentes, a língua e as gengivas estão limpos |  Foto: Divulgação/Governo do Estado do Rio

Os pacientes que estão em estado grave nos Centros de Tratamento Intensivo passam por higienização bucal frequente. Já os demais pacientes, menos graves, recebem devidamente a assistência em casos emergenciais. Além do tratamento tradicional de limpeza e higienização, com gaze e antisépticos, os profissionais hoje estão utilizando a laserterapia para eliminar infecções mais severas na boca devido ao processo de intubação.

Pacientes e familiares enaltecem os procedimentos realizados pelos profissionais de odontologia. Vítima de acidente de carro no início de março, em Rio Bonito, Valdemir Coutinho Marins, internado em um dos CTIs do Hospital Alberto Torres, elogia o atendimento.

"Tudo muito organizado. Atendimento muito bom. Não imagina que tivesse dentista aqui. Eles passam todos os dias e fazem higienização",  garantiu o paciente.

O Dia Mundial da Saúde Bucal foi criado para conscientizar a população sobre a importância dos cuidados odontológicos para o bem-estar geral. A saúde bucal é necessária para prevenir infecções e o agravo de algumas doenças, como doenças auto imunes, diabetes e anemia, que podem piorar com a má higiene oral.

A boa higiene oral é alcançada quando os dentes, a língua e as gengivas estão limpos e sem lesão ou dor. Os cuidados bucais mais importantes são os mais acessíveis e fáceis, e que podem ser realizados em casa, como: escovar bem os dentes e a língua, ao menos três vezes ao dia, utilizando escova com cerdas macias; usar pasta de dente, se possível que contenha flúor; utilizar fio dental, em todos os dentes, ao menos uma vez por dia; e comer alimentos balanceados, evitando o excesso de açúcar.

Matérias Relacionadas