Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 5,2608 | Euro R$ 5,6075
Search

Após morte de porteiro, caminhada pela paz pede mais segurança em Niterói

Acusado do crime foi preso

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 24 de fevereiro de 2024 - 10:51
Caminhada pela Paz
Caminhada pela Paz -

Acontece na manhã deste sábado (24), em Icaraí, Niterói, uma Caminhada pela Paz. O ato é motivado pelo assassinato brutal de Sebastião Lair Hipólito, conhecido como “Tio Tião”, morto a facadas, por um homem que invadiu a escola em que ele trabalhava na manhã de sexta-feira (23).

O acusado identificado como Rennan de Oliveira da Silva Santos, de 21 anos, foi preso horas após o crime. O suspeito estaria cometendo diversos crimes desde a fuga da unidade psiquiátrica. Além do latrocínio cometido nesta sexta (23), o homem teria ainda roubado outras vítimas na região após o crime.

Manifestantes clamam por mais segurança
Manifestantes clamam por mais segurança |  Foto: Divulgação

Leia mais: 

Acusado de matar porteiro de escola teria fugido de hospital psiquiátrico

Porteiro de escola é morto esfaqueado no trabalho em Icaraí, Niterói


Na manhã deste sábado, moradores do bairro, pais e alunos do Colégio MV1 de Icaraí, se reuniram em frente ao colégio, na Rua Gavião Peixoto  e seguiram com direção à praia. Durante o ato, os manifestantes clamavam por “Segurança e Justiça”.

Com camisa e bexigas brancas os manifestates pedem paz
Com camisa e bexigas brancas os manifestates pedem paz |  Foto: Divulgação

Recordando

O porteiro Sebastião Lair Hipólito, de 65 anos, foi morto a facadas dentro da unidade de ensino em que trabalhava. Ele teria tentado intervir na abordagem do assaltante à uma outra funcionária quando foi ferido pelo acusado.

A Rede MV1 Icaraí divulgou uma nota de pesar lamentando a morte do funcionário. "Esse ato de absoluta monstruosidade nos enluta, nos choca, nos atordoa. Estamos profundamente consternados pela perda irreparável de uma pessoa de convivência diária, gentil, educada, responsável, um homem de família, um trabalhador", diz um trecho do comunicado.

O corpo de Sebastião será velado e enterrado no Cemitério do Maruí, no Barreto.

Matérias Relacionadas