Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 4,9892 | Euro R$ 5,4003
Search

Médicos participam das ações do Plano Estadual de Combate à dengue

Objetivo principal é capacitar médicos que atuam em emergências e ainda não vivenciaram um cenário de epidemia em suas histórias profissionais

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 01 de fevereiro de 2024 - 15:49
Nesta semana a “Capacitação em Diagnóstico e Manejo Clínico" foi aberto para os médicos que atuam nas emergências pediátricas, UPAs e UTIs infantis do estado
Nesta semana a “Capacitação em Diagnóstico e Manejo Clínico" foi aberto para os médicos que atuam nas emergências pediátricas, UPAs e UTIs infantis do estado -

A direção médica e a coordenação pediátrica dos Hospitais Estaduais Alberto Torres (Heat), em São Gonçalo, Roberto Chabo, em Araruama, e Zilda Arns, em Volta Redonda, participaram da capacitação em diagnóstico e manejo clínico para a dengue voltada para médicos que atuam em UPAs e emergências pediátricas promovida pela secretaria estadual de Saúde. O treinamento faz parte das ações do Plano Estadual de Combate à Dengue e o objetivo principal é capacitar médicos que atuam em emergências e ainda não vivenciaram um cenário de epidemia em suas histórias profissionais.

“A oportunidade de aprendizado é ímpar para os nossos médicos, que também serão multiplicadores do saber nas redes públicas e privadas. Nossa equipe estará em alerta e informada, principalmente com relação à antecipação da sazonalidade da dengue. Destaco ainda a necessidade do conhecimento do manejo clínico diferenciado nas ocorrências da doença em crianças”, afirmou a secretária de Estado de Saúde, Claudia Mello, durante a mesa de abertura.

Nesta semana a “Capacitação em Diagnóstico e Manejo Clínico" foi aberto para os médicos que atuam nas emergências pediátricas, UPAs e UTIs infantis do estado. Para esta primeira semana de capacitação, a Secretaria já conta com 600 inscritos. E ainda há vagas.

Entre os temas a serem debatidos nos encontros estão: os leitos dedicados à dengue, a abordagem inicial e tratamento da criança com dengue, a regulação do paciente com dengue, o reconhecimento das formas graves e a abordagem clínica, além do reconhecimento e diagnóstico da dengue.

Confira as datas dos treinamentos e saiba como se inscrever

As turmas destinadas aos médicos de emergências e UPAs pediátricas estão divididas entre os dias 30 e 31 de janeiro, e 01, 06, 07 e 08 de fevereiro. Já para os de UTIs pediátricas acontecem dias 20 e 22 de fevereiro. O total de vagas oferecidas pela SES-RJ é de 2000. Podem se inscrever não só médicos da rede pública, mas também das instituições privadas.

Todas as capacitações são presenciais e acontecerão no auditório da SES-RJ, localizada na Rua Barão de Itapagipe 225, no bairro do Rio Comprido, no Rio de Janeiro.

Para realizar as inscrições, os médicos que atuam pediatria em emergências e UPAs pediátricas devem preencher o formulário disponível em: https://forms.gle/fbrzKV9HyzfhYbSb6, com o nome completo, data e horário do curso escolhido, e-mail, número do celular, unidade de atuação e especialização.

Os profissionais de UTIs pediátricas devem preencher as mesmas informações, mas pelo link: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLScXZLmWpnp-qjT_8RRzdINNuEdmBuHTnHj-WsejMnmRAc2mFw/viewform

Matérias Relacionadas