Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 4,9953 | Euro R$ 5,4069
Search

Janeiro Branco: no mês da saúde mental, conheça os sintomas menos conhecidos da depressão

O transtorno mental é um dos que mais atingem a vida das pessoas; de acordo com a OMS, 11,5 milhões de brasileiros sofre com a depressão

relogio min de leitura | Escrito por Lívia Mendonça | 15 de janeiro de 2024 - 14:24
O transtorno mental é um dos que mais afetam as pessoas, podendo apresentar diferentes sintomas
O transtorno mental é um dos que mais afetam as pessoas, podendo apresentar diferentes sintomas -

Cerca de 5,8% da população brasileira sofre de depressão, número que equivale a 11,5 milhões de casos, segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde). O país perde apenas para os Estados Unidos entre os países da América Latina. O transtorno mental é um dos que mais afetam as pessoas, podendo apresentar diferentes sintomas, variando de pessoa para pessoa e, é claro, a intensidade da doença em cada um.

De acordo com a psicanalista Andréa Ladislau, o Janeiro Branco tem como objetivo alertar a população em geral para os cuidados com o emocional, a partir da prevenção das doenças decorrentes do estresse, incluindo os transtornos mentais mais comuns, como a depressão, ansiedade e o pânico.


Leia também:

➢ Hospital em Tanguá: Prefeitura assina convênio com a Caixa para construção

➢ Comissão aprova punição a pais que cometerem abusos na gestão do patrimônio dos filhos menores de 18 anos


"Por ser um mês de conscientização fica mais fácil movimentar campanhas, enriquecer o movimento com o maior número de ações possíveis e assim alcançar muito mais pessoas para falar sobre o tema e tirar dúvidas. Porém, o que não pode, é ficar restrito apenas ao mês de janeiro. Deve-se falar de saúde mental ao longo de todos os meses. Afinal, estamos vivemos suscetíveis aos transtornos mentais em todos os tempos de nossa vida", afirmou a profissional.

São muitos os tipos de depressão, e a forma como cada pessoa reage, com sintomas que mudam constantemente. Pensando nisso, a profissional esclarece sobre alguns dos sintomas menos comuns de depressão que podem aparecer.

"Por incrível que pareça, a ansiedade é um dos sintomas desconhecidos da depressão. Muitas pessoas pensam que o ansioso é acelerado e depressivo é somente quem é mais lento. Pura ilusão. Aceleração também pode ser um dos sintomas. Além disso, outros sinais muito característicos da depressão, são: angústia; incapacidade de sentir prazer e alegria; sentimento de medo e insegurança; interpretação distorcida da realidade; dificuldade de concentração; esquecimento; perda ou aumento de peso, entre outros".

Os desafios e preconceitos enfrentados pelas pessoas em relação à saúde mental também podem ser vistos diariamente. Segundo a Dra. Andréa Ladislau, a psicologia é uma excelente forma de auxiliar o autoconhecimento e a disseminação de intolerância através de estereótipos.

"São muitos os desafios da psicologia em dias atuais, porém um dos principais, certamente é a resistência que as pessoas ainda possuem em buscarem ajuda de um profissional de saúde mental, por acreditarem que, só quem vai ao psicólogo ou psiquiatra “é louco, maluco”. A linguagem da mente ainda é muito desconhecida pelas pessoas e precisa ser melhor disseminada. É preciso entender que o autoconhecimento é a base de tudo. Precisamos estar bem conosco para saber lidar com o outro. Do contrário, vamos “jorrar” nossas dores incompreendidas em todos a nossa volta. E para saber lidar com o que nos falta, com o que está dentro de nós, precisamos nos conhecer, nos perceber. E somente a terapia, a saúde mental, podem nos proporcionar esse ganho".

*Sob supervisão de Cyntia Fonseca

Matérias Relacionadas