Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 4,9892 | Euro R$ 5,4003
Search

Em novo depoimento, Daniel Alves diz que relação sexual foi um "ato livre e voluntário"

O atleta também afirma que houve química entre ele e a acusadora

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 17 de abril de 2023 - 14:41
A imprensa espanhola afirma que esta pode ser a última vez que Dani Alves tenha a oportunidade de se manifestar sobre o caso
A imprensa espanhola afirma que esta pode ser a última vez que Dani Alves tenha a oportunidade de se manifestar sobre o caso -

O ex-jogador Daniel Alves afirmou, nesta segunda-feira (17), em novo depoimento, que a relação sexual entre ele e sua acusadora foi consensual. O jogador compareceu ao judiciário espanhol a pedido de sua defesa. Ele está preso desde o dia 20 de janeiro, suspeito de ter estuprado uma jovem de 23 anos em uma boate de Barcelona. 

Segundo informações divulgadas pela imprensa espanhola, o atleta enfatizou que é "respeitoso" na relação com as mulheres e não toma a iniciativa se não perceber "tensão sexual" e uma clara predisposição. Ele também disse que, ao verificar uma "química", teria proposto à jovem que os dois fossem para um local mais reservado.

Daniel Alves também afirmou que tudo o que aconteceu dentro do banheiro da boate foi um "ato livre e voluntário", que ele e a jovem fizeram amor e a acusadora "nunca disse para parar".

As novas declarações do jogador contradizem a versão da vítima e as evidências coletadas pela polícia. A jovem foi atendida por uma ambulância chamada pela boate Sutton, e transferida para o Hospital Clínic, referência em atendimentos a vítimas de abusos sexuais. Lá, ela passou por um exame médico e o relatório confirmou que a jovem sofreu ferimentos leves, compatíveis com a "luta" que teria travado com o atleta, para não se sujeitar ao ato sexual.

A ficha médica também indicou que dentre as lesões encontradas, está uma pequena equimose no joelho. Trata-se de uma mancha roxa causada por um sangramento em que ocorre a infiltração do sangue na pele. Isso se dá devido à ruptura de alguns vasos sanguíneos.

O machucado corrobora com a narrativa descrita pela jovem. Em sua versão, ela destacou que Daniel Alves a "agarrou pela nuca, não sei se também pelos cabelos e me jogou no chão, machuquei o joelho".

A imprensa espanhola afirma que esta pode ser a última vez que Dani Alves tenha a oportunidade de se manifestar sobre o caso, uma vez que as investigações estão muito próximas de serem encerradas.

Matérias Relacionadas