Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 5,1937 | Euro R$ 5,5292
Search

Operação Lei Seca no RJ será intensificada no RJ durante o Carnaval e terá até drones

Pela primeira vez, todas as regiões do Estado terão fiscalizações diárias. Lançamento das ações é nessa quarta-feira (15)

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 15 de fevereiro de 2023 - 18:00
Drones vão ser usados para reforçar ações durante o Carnaval
Drones vão ser usados para reforçar ações durante o Carnaval -

Os motoristas devem ficar atentos. A Secretaria de Estado de Governo lança, às 20h desta quarta-feira (15), a operação especial da Lei Seca para o carnaval. Pela primeira vez, todas as regiões do RJ terão fiscalização diárias e os policiais contarão com a ajuda dos drones operados pelos agentes do Gabinete de Segurança Institucional. A operação está prevista para terminar na Quarta-feira de Cinzas.

Estão programadas blitzes principalmente nas cidades que recebem muitos turistas, como as da Costa Verde e da Região dos Lagos, além de ações em bairros onde acontecem os desfiles de blocos de rua.

A megaoperação contará com 216 agentes e 53 veículos, que vão atuar em até 15 pontos diários de fiscalização nos finais de tarde e à noite, e contará ainda com as motopatrulhas, que inspecionam os motoristas que tentam escapar das operações por rota alternativas.

"Mapeamos os municípios que irão receber uma demanda grande de turistas e planejamos ações para inibir que motoristas dirijam depois de beber. Queremos reduzir os índices de acidentes e sabemos que a combinação álcool e direção está por trás da violência no trânsito", disse o secretário de Estado de Governo, Chico Machado.

Apoio contra fugas - Além da fiscalização tradicional, a Lei Seca terá o apoio de drones para mapear melhor as áreas e reduzir a fuga dos motoristas. Outro objetivo é ajudar a identificar os casos de troca de motoristas, que costumam ocorrer perto de blitzes.

Além da atuação dos policiais nas operações, agentes PCDs — vítimas de acidentes no trânsito — estarão nas ruas. Serão oito equipes diárias atuando nos blocos e nos desfiles da Sapucaí.

Matérias Relacionadas