Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 5,2089 | Euro R$ 5,5496
Search

Embarcação afunda na Baía de Guanabara e 8 pessoas estão desaparecidas

A embarcação, identificada como "Caiçara", virou entre a Ilha do Governador e a Ilha de Paquetá

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 05 de fevereiro de 2023 - 22:22
Operação continua no local
Operação continua no local -

O Corpo de Bombeiros realiza buscas desde o final da tarde deste domingo (5), na Baía de Guanabara, após uma embarcação afundar com 14 pessoas a bordo. Até o momento, 6 pessoas foram resgatadas com vida. Entre os desaparecidos estão uma criança e um adolescente. Segundo comunicado, o Corpo de Bombeiros foi acionado às 17h25 para o acidente e atuará de forma ininterrupta.

A embarcação, identificada como "Caiçara", virou entre a Ilha do Governador e a Ilha de Paquetá. O temporal teria provocado o acidente.

As vítimas salvas foram resgatadas por um barco civil. Elas foram levadas pelas equipes do 19º GBM (Ilha do Governador) para o píer da Transpetro, na Ilha do Governador.

Em nota, a Marinha do Brasil informou que  enviou uma equipe de Busca e Salvamento para o local. 

“A Marinha do Brasil (MB), por meio do Comando do 1º Distrito Naval, informa que a Capitania dos Portos do Rio de Janeiro (CPRJ) tomou conhecimento, na tarde de domingo (05), da ocorrência de um emborcamento de uma traineira na altura da Ilha do Governador (RJ).

Ressalta-se que a CPRJ enviou uma equipe de Busca e Salvamento (SAR) ao local para averiguações tão logo teve ciência do ocorrido. A embarcação contava com 12 tripulantes, 6 deles devidamente resgatados até o momento. As buscas pelos demais estão sendo realizadas tanto pela Marinha do Brasil quanto pelo Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro (CBMERJ). Insta salientar que não foi verificado indício de poluição hídrica no local.

A CPRJ esclarece, também, que um procedimento interno será instaurado para apurar causas, circunstâncias e responsabilidades do acidente, bem como colher ensinamentos para reduzir a probabilidade de ocorrências análogas no futuro. Concluído o procedimento e cumpridas as formalidades legais, os documentos serão encaminhados ao Tribunal Marítimo, que fará a devida distribuição e autuação, o qual dará vista à Procuradoria Especial da Marinha para que adote as medidas previstas no Art. 42 da Lei nº 2.180/54."

Em nota, o Corpo de Bombeiros informou que operação seguirá ininterruptamente. "O Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro (CBMERJ) foi acionado, na tarde deste domingo (05.02), para um naufrágio na Baía de Guanabara, próximo à Ilha de Paquetá.

Segundo relatos atualizados, havia 14 pessoas a bordo da embarcação. Seis vítimas foram resgatadas por terceiros, receberam os primeiros-socorros do CBMERJ e foram encaminhadas para o CER da Ilha do Governador: 2 mulheres, 2 homens e 2 crianças do sexo masculino.

Oito pessoas seguem desaparecidas: 1 criança e um adolescente do sexo masculino e seis adultos, sendo 3 homens e 3 mulheres.

Guarda-vidas e mergulhadores da corporação atuam nas buscas, com apoio de lanchas, motos aquáticas, botes e aeronaves.

A operação seguirá ininterruptamente."

Matérias Relacionadas