Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar down 5,0711 Euro up 5,2485
Search

Após falas do pastor Felippe Valadão, grupo promove manifestação em Itaboraí

O protesto acontece neste domingo

relogio min de leitura | Escrito por *João Victor Padela | 22 de maio de 2022 - 10:19
A manifestação será na Praça Marechal Floriano
A manifestação será na Praça Marechal Floriano -

Uma manifestação de Povos de Matrizes Africanas irá ocorrer, neste domingo (22), às 11 horas, em Itaboraí. O local de concentração será na Praça Marechal Floriano. 

A manifestação tem como objetivo protestar as falas ditas pelo pastor Felippe Valadão, após ele incitar o ódio contra religiões africanas. O discurso aconteceu na noite da última quinta-feira (19), durante show em comemoração pelo aniversário da cidade de Itaboraí. O evento foi custeado com dinheiro público. 

Além de se manifestar contra Felippe Valadão, o protesto também é contra a Prefeitura de Itaboraí, visto que tudo foi veiculado ao vivo no portal oficial da prefeitura. 

“É um absurdo em pleno século XXI, assistirmos um show de intolerância ao vivo, e ninguém fazer absolutamente nada, repudiamos toda fala de ódio do pastor e ressaltamos que, o país é laico e nossa pregação é o amor e o respeito.”, disse Diego T' Ossoguian, babalorixá na cidade de Itaboraí. 

Além da manifestação, uma nota de repúdio foi protocolada na Prefeitura de Itaboraí, responsável pela contratação do pastor, e uma petição manuscrita para exclusão do vídeo que está no portal oficial da prefeitura foi enviado. 

Relembre o caso 

O pastor Felippe Valadão, que esteve presente em um evento em Itaboraí na última quinta-feira (19), acabou atacando religiões de matrizes africanas. 

O evento ocorria em comemoração ao aniversário de 189 anos da cidade, e nele tiveram uma série de shows, e nesta quinta se apresentaram artistas gospel, como Valadão, que subiu ao palco e discursou.

“De ontem para hoje tinha quatro despachos aqui na frente do palco. Avisa aí para esses endemoniados de Itaboraí: o tempo da bagunça espiritual acabou, meu filho. A igreja está na rua!!! A igreja está de pé!!!”, disse o pastor.

A Prefeitura de Itaboraí deixou claro que as declarações dos convidados e artistas para as apresentações “são de inteira responsabilidade deles”.

Estagiário sob supervisão de Marcela Freitas* 

Matérias Relacionadas