Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar down Euro down 5,4894
Search

Homem acusado de esfaquear o vizinho é considerado foragido

A vítima deficiente estava dormindo e levou mais de 20 facadas

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 21 de maio de 2022 - 09:03
O motivo da tentativa de homicídio foi uma briga em um bar
O motivo da tentativa de homicídio foi uma briga em um bar -

O Portal dos Procurados divulga nesta sexta-feira (20), um cartaz para ajudar nas investigações da 32ª DP – Taquara – a fim de obter informações que levem a localização e prisão do criminoso Edvaldo Alves de Santana Filho, de 32 anos. Ele é acusado de tentar matar o vizinho, após uma briga em um bar. Ele já é considerado um foragido da Justiça.

A Tentativa de Homicídio aconteceu na última quinta-feira (12), em Curicica, em Jacarepaguá, Zona Oeste do Rio, quando Edvaldo tentou assassinar o seu vizinho Douglas Roubanes, de 32 anos, que é deficiente físico, com mais de vinte facadas, enquanto a vítima estava dormindo. Douglas, ainda pediu ajuda aos vizinhos, e quando conseguiu chegar na casa de um deles, estava todo ensanguentado e com várias perfurações pelo corpo.

Depois que policiais militares estiveram no local do crime, Edvaldo retornou ameaçou e tentou agredir os vizinhos que testemunharam o atentado. Segundo investigações coordenadas pelo Delegado Titular da 32ª DP, DRº Ângelo José Lages, o criminoso pode estar escondido em casa de parentes, e pede que ele se entregue as autoridades policiais.

Douglas foi levado para o Hospital Municipal Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio e seu quadro clínico é estável, apesar das inúmeras facadas que foram desferidas.

Contra Edvaldo Filho, foi expedido um Mandado de Prisão, pela 34ª Vara Criminal da Comarca da Capital, pendente de cumprimento, Nº do Mandado de Prisão: 0121376-76.2022.8.19.0001.01.0001-14, por Crime Tentado (Art. 14, II, Cp), com pedido de Prisão Temporária, com validade até 2042.

Disque Denúncia recebe informações sobre a localização Edvaldo Filho, nos seguintes canais de atendimento:

Zap do Portal dos Procurados: (21) 98849-6099

(21) 2253 1177 ou 0300-253-1177

APP "Disque Denúncia RJ"

Facebook/(inbox):  https://www.facebook.com/procuradosrj/,

https://twitter.com/PProcurados (mensagens).

Site Portal dos Procurados – em Denuncie – (procurados.org.br/contato).

Em todas as plataformas digitais, o Anonimato é Garantido.

A 32ª DP está encarregada do caso e do inquérito criminal.

Matérias Relacionadas