Após McPicanha sem Picanha, Whopper Costela vira alvo dos consumidores

Rede está sendo acusada de falta de transparência

Escrito por Redação 02/05/2022 15:46, atualizado em 02/05/2022 16:16
Hambúrguer foi lançado em dezembro de 2021
Hambúrguer foi lançado em dezembro de 2021 . Foto: Reprodução/Instagram

Após a revolta dos consumidores com o McPicanha sem picanha, outro hambúrguer virou alvo de denúncias. Desta vez, clientes do Burger King acusam a rede de fast-food de propaganda enganosa pelo fato de seu sanduíche Whopper Costela não ter carne de costela.

Consumidores foram às redes sociais da empresa reclamar de falta de transparência e propaganda enganosa. Em nota, o Burger King admitiu que o hambúrguer não é de costela, mas ressaltou que desde o lançamento do produto, "sempre comunicou com clareza" a composição do sanduíche. A própria rede confirmou que o hambúrguer é feito com paleta suína e tem apenas "aroma de costela".

A empresa também afirmou que "a transparência para com os nossos clientes é um valor fundamental e inegociável" e que "todas as informações sobre a composição do produto podem ser facilmente identificadas nas peças publicitárias, cardápios e demais materiais oficiais do Burger King".

O Whopper Costela começou a ser vendido no Brasil em dezembro de 2021. No comercial do produto, é dito que o hambúrguer é "sabor costela". No site do Burger King, a empresa diz que o sanduíche é feito com "hambúrguer de carne de porco com aquele aroma inconfundível de costelinha".

O Conar ainda não se pronunciou sobre o caso.

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas