Lins Imperial abre o segundo dia de desfiles da Série Ouro na Sapucaí

Escola da Zona Norte entrou na avenida pouco depois das 21h

Escrito por Ana Carolina Moraes 21/04/2022 22:35, atualizado em 21/04/2022 22:35
A Lins Imperial foi a primeira escola a desfilar nesta segunda noite
A Lins Imperial foi a primeira escola a desfilar nesta segunda noite . Foto: O São Gonçalo

E foi dada a largada para o segundo dia dos desfiles da Série Ouro na Marquês de Sapucaí! As apresentações irão acontecer nesta noite de quinta-feira (21), se estendendo até o final da madrugada (22). A primeira escola a desfilar é a Lins Imperial, com o samba "Mussum pra sempris – traga o mé que hoje com a Lins vai ter muito samba no pé!”, homenageando o humorista Mussum, que nasceu no Morro da Cachoeirinha, no bairro do Lins de Vasconcelos, na Zona Norte do Rio. Como o próprio samba diz Mussum é 'um trapalhão que inspira tanta gente". 

Com 26 alas, 3 carros alegóricos e mais um tripé, a escola entrou na avenida de verde e rosa, em homenagem à Mangueira, escola de Mussum. O presidente Flávio Mello e o presidente de honra João Banana (em memória) são os responsáveis por tocar a escola que vai falar sobre o artista Antônio Carlos Bernardes Gomes, o Mussum, que também era músico, cantor, compositor e outros. 

Uma das alas representa a mãe do Mussum, outra conta a história dele como criança, depois como artista e passando pelos Trapalhões, um dos grandes sucessos do humorista homenageado. Mussum morreu em 29 de julho de 1994, aos 53 anos. O samba também fala de negritude, já que Mussum era um artista negro que venceu diversos tipos de preconceito ao se tornar o grande ator que se tornou. 

Uma das alegorias que mais chama a atenção é a do Morro da Cachoeirinha, falando de onde o artista nasceu. 'Tragédia no Fundo do Mar' e 'Dos LP's dos Originais dos Sambas', 'Samba No Morro de Mangueira', 'Os Amigos Trapalhões' são algumas das alas apresentadas pela escola. A escola traz os intérprete do samba Rafael Tinguinha e Lucas Donato, juntamente com o Mestre Átila no comando da Bateria, além da Rainha de Bateria Danny Fox, da Madrinha de Bateria Bianca Ramos e do Rei de Bateria Johnathan Avelino. O ator Hélio de la Peña também desfilou pela escola homenageando o artista.

Apesar do destaque nas cores, nas fantasias e nos diversos tecidos que se destacavam na avenida, a Lins teve algumas dificuldades em colocar o último carro alegórico na avenida, o que pode prejudicar a escola na pontuação.

Na última quarta-feira (20) desfilaram as primeiras sete escolas da Série Ouro: a 'Em Cima da Hora', a 'Acadêmicos do Cubango', a 'Unidos da Ponte', a 'Unidos do Porto da Pedra', a 'União da Ilha do Governador', a 'Unidos de Bangu' e a 'Acadêmicos do Sossego'. Juntamente com as escolas de ontem, as de hoje estão competindo para conseguir uma vaga no Grupo Especial no próximo ano.

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas